FASCINANTE

31/05/2015

LEMBRANDO MARIO QUINTANA

Mario Quintana...
Inesquecível Mestre das Letras...
O que se falar a seu respeito, será pouco...
Osculos e amplexos,
Marcial
Poetas que somos,
pela poesia vivemos,
com poesia morreremos...

Perguntaram-me que graça tem escrever poesias e, completando a frase, esse meu amigo completou dizendo que jamais lera algo de sólido e concreto numa poesia, que só falam utopias, que só falam de coisas que não existem, de sonhos e mais sonhos de amor, essa grande bobagem.
Na verdade, pouco se poderia argumentar com quem diz algo assim, porque revela de antemão ter uma alma muito insensível, já que deixou claro não acreditar no amor.
Simplesmente sugeri que tentasse entender porque uma mãe sempre defende seu filho, e todos sabemos que ela o faz, porque este filho nasceu, porque nas horas de perigo, pedimos pelo amor de Deus, porque as pessoas se unem, porque se consolam nos momentos de dor, e se isso não lhe bastasse como prova da existência do amor, que observasse, como provas concretas, o nascer e o por do sol, o desabrochar de uma flor, o nascimento de qualquer animal...
Enfim, todas essas provas concretas de que existe algo de muito sublime coordenando tudo, que todos os atos de Deus são marcados pelo amor, e é disso que falam os poetas. De todos esses amores. Desde o amor carnal, até o amor pela Natureza, sem falar claro, no mais importante, que é o amor a Deus...
Mais tarde um pouco, ainda digerindo o diálogo mantido, fui brindado por um e-mail contendo um poema de autoria do grande mestre Mário Quintana, que me fez sentir orgulho pelo simples fato de escrever poesias. Vejam só:

"Se eu fosse um padre, eu, nos meus sermões,
não falaria em Deus nem no Pecado
- muito menos no Anjo Rebelado
e os encantos das suas seduções,
não citaria santos e profetas:
nada das suas celestiais promessas
ou das suas terríveis maldições...
Se eu fosse um padre eu citaria os poetas,
Rezaria seus versos, os mais belos,
desses que desde a infância me embalaram
e quem me dera que alguns fossem meus!
Porque a poesia purifica a alma ...
a um belo poema - ainda que de Deus se aparte
- um belo poema sempre leva a Deus!
MÁRIO QUINTANA"

Quero aqui prestar minha homenagem a esse grande Mestre das Letras. Este seu poema serviu para resgatar e purificar a alma de todos os poetas.
O final, então, é sublime: "a um belo poema, ainda que de Deus se aparte, um belo poema sempre leva a Deus". Realmente, creio que ao compor um poema, o poeta é ungido por uma inspiração divina.
Seja esse poema uma ode à Natureza, seja em louvor ao amor materno, seja dedicado a um casto amor, ou exaltando as delícias do prazer, sempre terá sido escrito em um determinado momento de inspiração, quando, por algum sortilégio divino as palavras que se formaram em seu cérebro, passaram por sua alma, e fluíram através de seus dedos.
Não se "fabrica" uma inspiração, ela surge de inopino, simplesmente vem, e se não a pega na hora, o poeta a perde e não se lembra mais depois.
Dizem que os poetas são sonhadores, vivem no mundo da lua, pode até ser, pois assim lá de cima fica mais fácil para observar as coisas. Porque uma poesia surge de um tudo e de um nada. Uma palavra solta no espaço, já serve para o poeta compor mais uma poesia...
Que tal as forças da natureza? Quer maior fonte inspiradora?
Enfim amigos poetas vamos unir nossas mãos num aplauso demorado ao ilustre Mário Quintana por esta homenagem que ele prestou à alma poetal.
Com as palavras de Mário Quintana, não tenho dúvidas de que todos teremos UM LINDO DIA.

Marcial Salaverry

30/05/2015

EL AMOR VIVE AÚN QUE LEJOS

Aunque esteamos lejos, podemos vivir nuestro amor...

Vale más una ausencia presente,
que una presencia ausente...
El querer estar junto,
trae hacia uno, lo que lejos está.....
Estar lejos de quien amamos,
de eso el corazón reclama...
Un amor ausente,
se hace presente,
cuando es verdadero...
En verdad, el amor es un regalo,
y aunque lejos, se hace presente...
El amor empieza con el tocar de las manos,
llega hasta el corazón, calentando el alma...

Marcial Salaverry

ATITUDES REALMENTE CONDENÁVEIS

Uma das atitudes mais condenáveis do
ser humano, quando não consegue ser humano,
é o tal do assédio sexual...
É algo que fere profundamente a dignidade
de eventuais vítimas...
Osculos e amplexos,
Marcial

Quando se fala em atitudes condenáveis, certamente uma das piores, é quando existe um assédio sexual, pois não existe nada mais constrangedor para qualquer pessoa, do que sentir-se perseguida dessa maneira por quem quer que seja.
Sexo é algo muito agradável quando feito em condições normais, envolvendo ao menos um sentimento de desejo, se não de amor, desde que seja algo consensual. Isso, sem falar do sexo profissional, que também pode tornar-se uma atividade lucrativa e até mesmo agradável, quando se encontra uma companhia que seja interessante.
Contudo, quando se sofre um assédio sexual, é algo que incomoda por demais, seja lá quem for. Principalmente quando envolve uma situação de trabalho, de dependência de emprego.
Geralmente o assédio parte de alguém hierarquicamente superior que se prevalece de seu cargo de chefia para satisfazer seus desejos contra subalternos (mais subal, do que ternos...). Não se pode dizer que são apenas as mulheres que sofrem tal assédio. Já vi muitos casos em que uma “chefa” persegue algum funcionário.
Tais casos sempre despertam uma revolta íntima da vítima dessa perseguição, por se ver na desagradável contingência de ceder, ou então perder o emprego, que muitas vezes é muito bom.
Soube de alguns casos interessantes, em que a funcionária apenas fingiu aceder aos convites do chefe, e terminou por armar-lhe uma tremenda cilada, conseguindo um flagrante de assédio sexual. Houve o justo reverso da medalha. Quem perdeu o emprego foi tal do chefinho.
Convenhamos que mesmo quando o encontro é consumado, a situação é desagradável, pois um sexo assim praticado, deixa de ser um encontro agradável. Sempre será algo forçado, e o prazer assim conseguido não será satisfatório. Poderá dar aquela falsa sensação de vitória, mas sempre será algo forçado, quase profissional. Um prazer quase solitário, em que uma das partes termina por ficar passiva. Pode ser mesmo qualificado como estupro. Consentido, mas não deixa de ser estupro.
Assédio sexual, será que falta a essas pessoas condições para conquistar alguém? Apenas sabem se prevalecer de situações para conseguir alguma coisa nesse sentido?
São dignos de pena...
Existem casos de assédio sexual que são verdadeiramente revoltantes.
São aqueles casos envolvendo famílias e parentes. Como exemplo, temos o noticiário policial, onde frequentemente são abordados casos em que tios assediam sobrinhos, padrastos forçam suas enteadas e, os mais escabrosos, quando são os pais que abusam de suas filhas.
Esse tipo de assédio provoca revolta geral. É verdadeiramente inconcebível que alguém possa praticar tais atos. Não se pode admitir, em sã consciência que pessoas, teoricamente seres humanos tomem tais atitudes.
São realmente dignos não de pena, mas de uma punição adequada ao crime cometido...
O único assédio permitido, e que deve ser aceito é aquele que vem acompanhado de um desejo de UM LINDO DIA

Marcial Salaverry

29/05/2015

EN ESTA MADRUGADA


Ni siempre los amantes pueden estar juntos...
Pero pueden "sentirse" juntos aunque lejos...


Era media noche
llovía como nunca
y observando esa lluvia,
por la ventana abierta
mis pensamientos viajaban lejos,
muy lejos hasta tu imagen.
Y como tu ausencia siento...
llamo por tu amor,
y lloro porque vos ..
no estás a mi lado.
Te "veo" mirándome...
y me siento cada vez,
más y más enamorado...
Te amo mi vida
más que a mi propia vida.
Pero el triste destino,
nos deja distantes...
mi alma está contigo
y la tuya... conmigo.
Me faltan tus besos...
me falta tu cuerpo abrazado al mío...
y en esta madrugada soñaremos juntos
que mucho nos amamos
aunque lejos...
... ESTEMOS!

*****
Marcial Salaverry

ASSIM PODE SER O SER MULHER

Temos que aprender a dar o devido 

valor à MULHER... 
Osculos e amplexos, 
Marcial 




Vamos analisar com isenção de ânimo como pode e deve ser o ser mulher, para ser muher de fato. 

Vamos ver como deve ser e agir uma verdadeira mulher. Analisemo-la à luz das necessidades de um homem que saiba dar o devido valor a uma mulher. Sem preconceitos machistas ou feministas, sendo apenas realistas. 

Ela deverá ser forte. Poderosa. Ao mesmo tempo, suave e delicada. E elas sabem ser. Quando querem, quando os parceiros merecem... 

Comparativamente falando, podemos dizer que ela deverá ter a força e o calor do sol para aquecer o dia do homem, e ao mesmo tempo, deverá ter a suavidade da lua, das estrelas, para iluminar o amor, e permitir o repouso após o embate amoroso. 

Deverá ser amena e benfazeja como a brisa que acaricia nosso corpo durante o dia. Contudo, em certas ocasiões deverá ter a fúria da tempestade, mostrando toda a força de seu amor. 

Deverá saber se impor com suavidade. Fazer prevalecer sua vontade, fazendo com que o homem pense que é ele quem comanda. Essa impressão de domínio masculino é importante para que a mulher prevaleça. Não deve se apequenar, submeter-se, mas deixar essa impressão. 

Embora ele ostente o poder, em seu íntimo sabe a grande companheira que tem. E saberá escuta-la em seus momentos de duvida. 

Deverá ter a doçura de uma fruta madura, sem esquecer que por vezes a fruta pode ter um travo amargo mas devemos saber o momento de aproveitar a doçura, ou de entender os problemas que ela pode estar passando. 

Deverá ser terna e suave como as pétalas das flores, mas sempre lembrando que flores também tem espinhos, e que devem ser tratadas com cuidado e carinho para não ferir as mãos de quem as toca sem a devida atenção. 

Deverá ter a alegria encontrada no chilrear das avezinhas quando o dia começa. Sempre é bom amanhecer com alegria, mas devemos fazer nossa parte, uma vez que a alegria, a felicidade, exigem reciprocidade, e total sinceridade... 

Podemos compara-las com os riachos que serpenteiam serra abaixo, acariciando as pedras que encontra, mas por vezes as leva de roldão. Devemos saber receber as carícias, sem enfrenta-las com resistência, pois poderemos ser simplesmente deixados para trás. 

Fala-se da fragilidade feminina. Que elas precisam sempre de nosso amparo e proteção. Sempre será uma falsa impressão. Na realidade, quando parecem estar sendo amparadas, são elas que nos dão o real apoio, fazendo-nos pensar que somos os mais fortes. Isso na realidade, é o que nos faz ficar fortes. Não é à toa que existe aquele provérbio que sabiamente diz que " Por trás de todo grande homem, sempre existe uma grande mulher." Permito-me acrescentar, “muito cansada.” 

Na verdade, elas tem a coragem das leoas, não esquecendo que são as leoas que enfrentam os maiores perigos, e vão à caça para alimentar os leões. Assim são as mulheres que realmente merecem ser chamadas de mulheres, e que tem a consideração de seus companheiros. 

Não hesitam em acompanhar e apoiar seus homens na grande aventura da vida. Não hesitam em abandonar seus lares e famílias para estar ao lado de seus eleitos, quando isso for necessário. 

O homem foi educado para desbravar o mundo, e a mulher existe para que isso seja possível. 

A história nos apresenta milhares de exemplos de mulheres que foram o sustentáculo de grandes lideres mundiais. Sem falar que muitas não apareceram, por preferir trabalhar à sombra. Mas tenham a certeza de que existiram, nunca esquecendo que "Por trás....." 

Em troca dessa força toda, desse apoio todo, de serem nosso real sustentáculo, apenas pedem em troca, amor, carinho, atenção e, principalmente muito respeito, e claro, reciprocidade e sinceridade no amor que sabem devotar quando merecemos... 

Respeito pelo que ela faz, respeito pelo que ela vale, respeito pela sua condição de mulher, e principalmente, respeito pelo respeito, amor e carinho que ela nos devota. 

Infelizmente muitos não reconhecem esse valor, e apenas vão notar sua falta quando as perderem. 

Para as mulheres em geral, e para os homens que lhes sabem dar o devido valor, vai meu abraço especial, e os melhores desejos para UM LINDO DIA.


Marcial Salaverry

28/05/2015

UMA ODALISCA MODERNA

Os tempos mudaram muito, e os sultões da era moderna,
perigam ficar presos a apenas uma odalisca que saiba prende-lo
em seus laços e entrelaços...
Bernardo sempre gostou de namorar. Sempre dado a muitas conquistas. Rapaz de conversa fácil, muito sedutor, tinha muita facilidade para conseguir namoradas.
E as meninas de sua cidade não lhe resistiam. Por estar sempre com três ou quatro namoradas ao mesmo tempo, acabou conseguindo o título de “Sultão”, e as meninas que cediam à sua sedução eram conhecidas como suas “odaliscas”.
Mas todo conquistador tem seu dia fatal.Um dia, conheceu Elvira, encantadora morena de lindos olhos verdes. Ao vê-la, não perdeu tempo, e logo quis coloca-la em sua lista de “odaliscas do sultão”.Apesar de conhecer a fama do rapaz, ela se encantou com seu jeito matreiro, mas decidiu que não seria apenas “mais uma odalisca”, e não cedeu de imediato, procurando resistir sem cair na rede.Pelo contrário, usou de sua sedução para conquista-lo. Com muito jeito, fez o rapaz sentir que não teria as mesmas facilidades que sempre tivera em conquistas anteriores.Bernardo sentiu-se meio perdido. Pela primeira vez encontrava resistência. A danada da morena era linda demais, e acenava-lhe com jeitinho matreiro, prometendo delícias mil. Mas teria que saber conquista-la. Quanto mais insistia, mais se enredava na teia preparada pela esperta menina.
Quando ela sentiu que o conquistador estava conquistado, deu a cartada final.
Não seria apenas mais uma das “Odaliscas do Sultão”, mas sim, apenas aceitaria a condição de “Favorita do Sultão”. Aliás, do “Ex-Sultão”, pois Bernardo teria que esquecer as outras odaliscas, vivendo apenas para Elvira, a Odalisca Moderna, que com seu encanto sedutor e fatal, encerrou a carreira do Sultão de Arcoazul.
Ninguém acreditava naquele casamento, pois todos acreditavam que logo Bernardo estaria de volta às suas conquistas. Mas o conquistador foi irremediavelmente conquistado.E hoje, ele olha para seus netos, e não se arrepende de ter mudado de vida. Ficaram as doces lembranças das aventuras antes vividas, e os gostosos prazeres de uma vida em família.
Realmente, a vida tem suas surpresas.

Marcial Salaverry 
29/05/2004

POETA O POETISA

(imagem google)

Veo esta insana discusión...
poeta o poetisa? poetisa o poeta?
o será poetista?
Poetas, poetisas, poetando...
son todas poetistas...
o entonces poesistas...
yá que hacen poesías...
Será que el poeta, poetará...
o poesará?
Escribe poesías o poetisas?
quien escribe prosa es prosista...
Quien escribe poesía, debería ser poesista...
Por que poeta? o poetisa?
Seamos poetistas,
pues poetizando podremos
pasar poesía...poetando...poetisando
por supuesto para prosa podemos prosear...
Pueden pasar, pues podré pasear.
Bien...esa discusión...
me quitó un poco la razón...
Para finalizar,
convido a todos apenas a poetizar...
llega de polemizar...
 

Marcial Salaverry

27/05/2015

APENAS UM LEMBRETE PARA UM "BOM DIA AMIGÃO"

Com certeza, nosso Amigão é a melhor companhia que podemos
arranjar, e merece toda nossa atenção, respeito e carinho, e JAMAIS
podemos nos esquecer de cumprimentá-lo a cada dia que começa...


A melhor maneira que existe para começarmos um dia, é dar um sincero BOM DIA AMIGÃO, direcionado para o grande amigo que todos nós temos lá em cima. Ele é tão amigo, mas tão amigo, que aceita ser chamado por uma porção de nomes. Chamam-no de Deus, Alah, Ogum, Buda, enfim, cada crença das muitas que existe pelo mundo, o chama de um nome. Calculem que até de Mbote Mondele já ouvi chamarem-no (isto é, em lingala, Branco Bom. Como ? onde se fala o lingala ? Ora, no Congo-África, onde vivi 3 anos).
O importante é nunca nos esquecermos dele, pois ele nunca se esquece de nós. Por vezes achamos que ele é ruim. Isso, quando as coisas não correm bem para nós, quando perdemos alguém querido. Mas, vocês conhecem a história das pegadas na areia? Pois é, nessas ocasiões em que nos julgamos abandonados, pois só havia marcas de uma pegada, é porque estávamos sendo carregados, e não abandonados...
Pensem nisso, e entendam que para nós é muito mais simples culpá-lo por nossos próprios erros, ou mesmo por coisas que nos acontecem por erros de outros. Contudo, analisem bem e entendam que apenas o fato de estarmos reclamando, já é sinal de que temos forças para alguma coisa, então, que tal aproveitarmos essa força que ainda nos resta, para pelo menos tentar reverter a situação, ao invés de queixas, atitudes para consertar algo
Bem, falando sobre os nomes com que nos dirigimos a ele, eu costumo conversar com ele, tratando-o por Amigão, ou mesmo, Chefinho. Como nossa amizade data de muitos anos (e bota ano nisso), posso ter essa intimidade.
Bem crianças, para variar esperamos que todos, unidos, juntamente, mancomunados e ao mesmo tempo de mãos dados e conjuntamente em uníssono, tenhamos sempre nosso pensamento bem direcionado, agradecendo pela vida que Ele nos dá, e pela possibilidade de fazermos o bem para alguém.
Vamos faze-lo?


DESCOBRINDO COMO É BOM ESTAR VIVO

Sempre é agradável olhar ao espelho pela manhã, e ver-se.
É a prova mais irrefutável de que ainda estamos vivos,
e com toda certeza, é bom descobrir que a vida ainda está viva...
Osculos e amplexos,
Marcial

Essa com certeza é a melhor descoberta que podemos fazer, pois certamente, uma das melhores sensações que podemos sentir, é saber que estamos vivos e ativos, e quando percebemos que o tempo vai passando, mas nossas marcas vão ficando, e assim algo vamos deixando para sermos lembrados. Mas no momento, estamos vivos, e devemos aproveitar esse fato, procurando sempre viver intensamente cada minuto que nos resta de vida.
Não seria lógico deixar passar o tempo sem sentir sua passagem, apenas fazendo parte da paisagem, pois devemos pelo menos, procurar tirar o maior proveito possível do fato de estarmos ainda vivos, pois não sabemos o nos reserva o amanhã. Se existe algo que podemos fazer, é não deixar nada para depois, procurar realizar um sonho tão logo possamos realizá-lo.
Vamos tentar nos comunicar com todas nossas amizades, sem procurar deixar que dúvidas persistam. É importante nada deixar para trás, pois na realidade nada fica nesta vida, além daquilo que fizermos, seja de bom ou de mau. Assim sendo, sempre será melhor deixar boas marcas de nossa passagem, a fim de sermos lembrados por nossas virtudes, e jamais por nossos defeitos.
Temos que simplesmente saber sentir dentro nós a sensação de que existimos, tendo total percepção de tudo que se passa em nosso coração. É importante saber definir o que sentimos, para não nos perdermos em meio a nossos sentimentos. É importante o saber viver, sabendo definir nossas prioridades e nosso pensamento, pois sempre precisamos ter em mente a importância que temos para nós mesmos. Não podemos nos menosprezar, nem tampouco viver a vida sem qualquer objetivo.
Conseguindo atravessar nossa vida sem lutas interiores, sem maiores queixas íntimas, aprendendo a nos gostar acima de todos, não faremos de nossa vida um drama, pois é esse amor próprio que nos permitirá enfrentar todo e qualquer obstáculo. Se vamos conseguir supera-los, só o futuro poderá dizer. Apenas precisamos saber como os enfrentar.
Algo que sempre precisamos ter presente, é que precisamos aprender a nos amar, sabendo quais são nossos defeitos e virtudes, procurando corrigir uns, e aperfeiçoar os outros. Apenas, temos que saber defini-los, para saber bem quais deverão ser corrigidos ou aperfeiçoados, a fim de não trocarmos as coisas. Não é muito apropriado que sejam os defeitos os aperfeiçoados.
Assim, sabendo como nos amar, também saberemos como amar aos outros e, quem sabe, poderemos ser amados.
E assim... a melhor maneira de vivermos, é fazer de cada dia de nossa vida, sempre 
UM LINDO DIA.

Marcial Salaverry

26/05/2015

O QUE PODE SER CHAMADO DE NOVIDADE

Não se sabe o que pode ser chamado de novidade atualmente,
uma vez que, com a constante evolução tecnológica,
a novidade de hoje, será a velhidade de amanhã...
Osculos e amplexos,
Marcial

Na realidade, é difícil encontrar algo que possa ser chamado de novidade hoje em dia, uma vez que a grande verdade é que o mundo anda em constante evolução, e isso é ponto pacifico, assim, o que parecia utopia há pouco tempo atrás, hoje já é coisa superada, tão rapidamente anda o progresso da tecnologia.
Apesar desse progresso todo, embora possa parecer incrível, existe muita gente que ainda está ferrenhamente presa ao passado, e se recusa peremptoriamente a aceitar inovações, e dessa maneira, custam demais a acompanhar o progresso tecnológico da atualidade, recusando-se a acreditar que certas máquinas vieram mesmo para beneficiar o progresso da humanidade, agilizando as comunicações, facilitando o desenvolvimento da ciência, e por mais que a elas se mostre os incríveis benefícios dessa evolução tecnológica, essas criaturas renitentes fecham os olhos para o que está à mostra, e usam argumentos, para eles irrefutáveis, segundo os quais “antigamente não havia nada disso e se vivia bem melhor”.
Pode-se entender tal resistência, em se tratando de pessoas de pouca cultura e que teriam naturais dificuldades para entender por exemplo que um forno de micro ondas é bem mais ágil do que um fogão a lenha. Nesse caso, existe um contra argumento, pois também devemos reconhecer que o sabor da comida preparada num arcaico fogão à lenha é bem melhor. Mas isso não é um detalhe tecnológico, é meramente uma questão de paladar, e estamos falando da praticidade da coisa.
Atualmente o grande pivô de discussões, é o novo monstro que veio destruir a paz e a tranquilidade dos lares, criando uma série de atritos familiares: O COMPUTADOR.
Há alguns anos, foi a televisão que causou estragos. Muitas pessoas recusavam-se a sequer cogitar da idéia de colocar um aparelho desses em casa, e diziam mil e uma coisas contra ela, pobre vítima inocente de uma série de calúnias levantadas por seus detratores, pessoas que se recusavam a aceitar a evolução das comunicações. Imagine, diziam alguns, como se pode tirar as pessoas de onde estão, colocando-as em nossas casas. Chegavam mesmo a imaginar isso. Não entendiam como poderiam ver quem não estava lá. E continuavam a escutar seus rádios.
Desde que o mundo é mundo, sempre houve esse tipo de resistência contra tudo que representasse uma evolução, uma mudança.
O infeliz do automóvel chegou a ser apedrejado em praça pública, pois era inconcebível que algo se movesse sem a tração animal, embora houvesse um montão de cavalos lá dentro, que muita gente queria ver a todo custo, e ficava revoltada quando não via nenhum daqueles bichinhos lá dentro...
E chega agora a vez do computador, que apesar dos pesares, já começa a ser um pouco mais aceito. Mas para muita gente, ainda é “coisa do demônio”. Essa coisa de se falar com o mundo todo em questão de segundos, de se fazer as mais complicadas operações matemáticas num piscar d’olhos... Absurdo. E claro, as dificuldades para o aprendizado de se lidar com essa “Coisa” são aumentadas. E toca a dizer-se que existem radiações perigosas que podem cegar as pessoas, que o computador provoca câncer...(aliás, o microondas também foi vítima dessas calúnias...).
Enfim, essa resistência ao progresso é algo inerente às pessoas acomodadas, que não querem evoluir, pois qualquer evolução, sempre exigirá algum esforço a mais, algum estudo para poder acompanhar a coisa, e pessoas com uma certa preguiça mental, preferem combater do que aderir. É mais fácil recusar as novidades do que aprender a lidar com elas...
Se essa mentalidade tivesse prevalecido, ainda estaríamos na fase da pedra lascada... (talvez mais felizes, quem sabe?), mas não estaríamos vivendo com o conforto que temos agora, mas pensando bem, será que realmente todo esse conforto, todo esse bem estar que o progresso nos trouxe é realmente benéfico? Antigamente fazíamos as coisas com maior esforço físico, e não precisávamos correr nas Academias.... Enfim, uma volta ao passado talvez não seja tão ruim assim...
Será que os detratores do progresso estavam mesmo tão errados assim? Ou errado foi o progresso. Aumentou a qualidade de vida, mas nos obriga a fazer ginástica, a fazer regime, e otras cositas más...
Bem, a grande verdade é que precisamos mesmo acompanhar a evolução tecnológica sem dúvida, porém, nunca esquecendo de uma coisa, que é uma verdade verdadeira, ou seja, que o computador surgiu para resolver uma série de problemas, que não existiam antes que ele fosse inventado...
E pensando nisso, aproveito a rapidez do computador, pra desejar a muita gente, em diversas partes do Brasil e do mundo, e quiçá das estrelas, UM LINDO DIA.

Marcial Salaverry

25/05/2015

A RELAÇÃO ENTRE DIREITO E OBRIGAÇÃO

Se quisermos que nossos direitos sejam respeitados,
não podemos nos esquecer de cumprir nossas obrigações...
Osculos e amplexos,
Marcial



É preciso bem observar a relação que existe entre Direito e Obrigação, pois é dessa observância que faz com que relacionamentos sejam duradouros, e que consigam superar os problemas encontrados pelo caminho, e para que se possa vencer o marasmo a que a rotina de vida pode conduzir, Para tanto, é preciso que os parceiros entendam que existem direitos e obrigações que deverão ser observados de parte a parte.
Há que se convir que a observância a certos ditames é bem abrangente, não se limitando às relações entre casais, mas sim, de uma maneira geral, valendo para o amor e mais ainda para a amizade, e também para relações de cunho comercial.
É preciso que se tenha dignidade diante da vida, e coragem perante as dificuldades, sabendo superar problemas e contratempos, e para tanto é preciso que possua respeito por si mesmo e pelos outros, e assim, que seja honesto nas atitudes, na retidão do seu espírito, e claro, sabendo assim respeitar o espaço alheio, para que possa querer que o seu seja igualmente respeitado.
Para tanto, não deverá ser brusco, nem ter reações violentas contra aqueles que possam lhe fazer alguma oposição, pois são coisas da vida, e que deverão ser superadas com firmeza, mas nunca olvidando que deverá dar aos seus semelhantes o mesmo tratamento que quer para si, e um ponto muito importante, é a fidelidade que deverá observar com os seus compromissos morais, sejam comerciais, conjugais, ou de amizade.
Deverá saber dosar sua paciencia e tolerancia, sem ser subserviente, e não queira adotar a postura de "dono da verdade", pois todos tem direito a opiniões, e assim, sabendo ouvir e falar na hora certa, sem querer impor seu ponto de vista de qualquer maneira, tendo assim discernimento para melhor julgar o que pode ser melhor, seja para si, ou para outrem.
Deverá ter serenidade nas horas incertas, pois assim os problemas poderão ser mais facilmente resolvidos, mas nas horas certas, deverá saber ser atuante com a firmeza que a situação exigir.
São atributos apreciados em qualquer ser vivente, nunca olvidando que todos temos os mesmos direitos e obrigações, e somos todos caminhantes na mesma estrada, buscando a evolução do nosso ser.
É importante ressaltar que as qualidades acima mencionadas, não devem ser encaradas como qualidades, mas apenas como algo inerente às obrigações de pessoas que se disponham a viver em Sociedade, sejam homens ou mulheres, ou qualquer outro dos sexos paralelos.
Acontece que o famoso "culto ao umbigo', faz com que o ser humano deixe de ser humano para se transformar em um ser egoista, apenas pensando em si próprio, esquecendo-se de que os espaços e os direitos alheios devem ser respeitados, assim como queremos que os nossos o sejam. Não podemos querer que o mundo gire em torno de nós, e menos ainda que o mundo se adapte a nós, pois nós é que devemos nos adaptar a ele. Como vivemos em uma Sociedade, temos que aceitar os parâmetros dessa Sociedade.
Assim, esses direitos e obrigações citados, são quase utópicos, quando na verdade deveria ser a coisa mais fácil e normal que todos se encaixassem nesse modelo ideal, que é apenas o que poderia e deveria ser modelo padrão, produzido em série, mas que na realidade, é modelo de exceção, mas se não o fosse, viveriamos sempre uma sequencia de lindos dias.
Poderemos cada qual fazer nossa parte para que todos possam desfrutar... Quer tentar?
Certamente conseguindo, poderá fazer de cada dia, sempre UM LINDO DIA.

Marcial Salaverry
.

24/05/2015

SERÁ QUE EXISTE O AMOR PERFEITO?

Existirá o amor perfeito?
Existe sim... É uma linda flor... O amor-perfeito...
Osculos e amplexos,
Marcial

Sabemos que existe o amor-perfeito, que é uma linda flor, mas não podemos querer perfeição no amor, e é fácil entender porque...
O assunto amor é mesmo inesgotável. Quando parece que já falamos tudo o que se poderia falar sobre essa coisa maravilhosa que é o Amor, encontramos uma citação feita por algum dos luminares da literatura, dizendo alguma coisa de novo, e nos faz descobrir que ainda se pode falar muito sobre ele, como este texto de Moliére:
"O amor é um mestre admirável que nos ensina a sermos o que nunca fomos; e muitas vezes, com as suas lições, muda completamente, num instante, os nossos costumes..."
Efetivamente, quando se é atingido por suas setas certeiras, mudam-se conceitos, mudam-se modos de vida, personalidade e tudo o mais que se possa ser mudado para que as coisas se "conjuminem". Muda-se até de cidade, de Estado ou de País...
Quando amamos de fato, sempre procuramos ver os pontos de discordância com a pessoa amada, e procuramos ver o que se pode mudar para uma coexistência pacífica, sempre procurando a perfeição do amor.
Então, logicamente se alguém tem um estilo de vida digamos, muito liberal, gostando de saídas noturnas, e certos passatempos em que o conjugue não irá se sentir bem, deverá e obviamente será de seu desejo mudar alguma coisa, para criar um ambiente de cordialidade em casa, evitando-se áreas de atrito.
Para que um amor seja perfeito, seja bem vivido, e que possa dar certo, vingue e dure bastante tempo, essas acomodações são necessárias. Impõem-se mudanças. Ambos os lados sempre devem ceder e mudar, em benefício do amor, e é aí quando se pode começar a ver que não é bem perfeito.
Na realidade, o amor nasce da atração entre duas pessoas, que se leram, ou que se viram, e se gostaram. Pronto, beleza pura, amam-se e serão felizes. Será tão simples? Se fosse simplesmente assim, seria mesmo perfeito.
Mas é lógico que não o é. Pois se fosse assim tão simples, lindo leve e solto, não teria graça nenhuma.
Muito mais importante do que se conquistar o amor, é a sua manutenção. E esta só é conseguida com a convivência, que por sua vez depende do acerto de personalidades, onde cada um dos parceiros precisa ver no que é possível ceder e mudar, para que o acerto se verifique, e comece assim a chegar perto da perfeição, ou pelo menos de uma boa vida em comum...
Ambos os lados devem se acertar, e isso é muito importante, pois se apenas um dos lados cede, dá-se o domínio de uma das partes, já criando uma área de atrito permanente.
É uma sociedade que se cria, e como tal deve ser tratada, e quando se está vivendo um relacionamento de longa data, é gratificante olhar para trás, e chegar à conclusão de que foi possível estar nesse ponto, porque tiveram o discernimento, o senso de equilíbrio de fazer as mudanças necessárias em tempo hábil, entendendo que realmente o que os une é um amor real e verdadeiro, que superou todas as intempéries da vida, conduzindo-os a um ponto de equilíbrio, que só foi possível pelo respeito mútuo e pelo acerto das arestas e pontos de desgaste que surgiram no início do relacionamento.
Mas nem assim se pode dizer que vivem um amor perfeito, pois todos os acertos havidos, sempre deixaram arestas não totalmente superadas, e sempre será preciso usar-se bom senso e discernimento para que, apesar das imperfeições, o amor sobreviva, e as mudanças lembradas por Moliere sempre possibilitam isso.
Esperando que tais lembretes possam ser úteis a alguém, desejo a todos UM LINDO DIA

Marcial Salaverry


23/05/2015

Lições Que A Natureza Nos Dá

A Natureza sempre nos oferece grandes lições, mas o bicho homem
sabe-se lá porque, se recusa a aprender...
Um dos maiores ensinamentos que a Natureza nos dá, é a humildade...
Ela tudo nos dá, e apenas carinho nos pede...
Por que não a atendemos?
Osculos e amplexos,
Marcial
Desde que o mundo é mundo, a Natureza procura nos ensinar a viver, oferecendo-nos belas lições de vida, e para aprende-las e apreende-las, basta entender que a sua grande magia reside nessas lições, e que apenas é preciso saber captá-las, saber entende-las. Claro que ela não nos fala, apenas se expõe, e nos mostra. Para ver, basta abrir os olhos, e para entender, basta abrir a alma...
Vejam o exemplo da árvore, basta que seja apenas um ramo dela, já serve de sustentáculo para a transformação da Vida. Ela tem o poder de se recriar, de resistir a muitas mutilações que lhe são impostas.
Apenas com o golpe final, é que perece. Como nossa vida, ela nasce, tem seu ciclo, e chega ao fim, geralmente assassinada pelo homem...
A feia e até asquerosa lagarta precisou recolher-se em seu casulo para se transformar em uma linda borboleta, num autentico milagre da Natureza, o que nos leva a meditar,
pensando que apenas nessa fração de segundo, em que observamos essa imagem, podemos ter a noção de que tudo na vida é assim, em tudo e para tudo, sempre dependeremos de algo ou de alguém para nossa sobrevivencia, pois nada nem ninguém sobrevive sozinho.
Somos UM no TODO. Não deve existir a individualidade. Devemos ser humildes para entender que sempre precisaremos de alguém a nosso lado. Nada somos sozinhos. 
É fácil entender que podemos caminhar com tranquilidade para a transformação da vida, se nos dermos as mãos, e assim, poderemos encontrar a Luz e refletir na beleza da Vida, se juntos estivermos. Nem que seja apenas para trocar ideias.
Cada um dos seres, sejam eles animados ou inanimados possuem em si a Essência Divina, que lhes possibilita a existência, e assim, devemos respeitar cada uma dessas expressões de Vida, pois fazemos parte delas, como elas fazem parte de nós. Jamais poderemos nos julgar superiores a quem ou a o que quer que seja. Temos que entender que pode bastar uma minúscula bactéria para acabar com a vida da mais poderosa criatura do mundo.
Respeita-las é nos respeitarmos. Ama-las é nos amarmos. Amor pela humanidade e respeito pela vida, é o que nos permitirá encontrar a felicidade, e somente a conseguiremos, se juntos seguirmos na caminhada, como nos ensina a Natureza em seu ciclo de vida, cada um fazendo a sua parte, com respeito e amor, cada um cedendo espaço para que o Plano Divino se complete.
Não existe a auto suficiência. Ninguém se basta sozinho.
Há que se entender que precisamos uns dos outros.
E quando isso é negado, a Vida se encarrega de nos colocar em situações desagradáveis, dando-nos as lições necessárias para aprendermos a lição maior, que nos ensina que o sentimento maior se chama humildade, e que esta humildade é a base de tudo.
Humildade para reconhecer que todos precisam de todos para sobreviver. Ninguém é melhor, e nem mais importante do que ninguém. Para o ciclo da vida se completar é preciso essa lição entender.
E crianças, humildemente peço que todos, formando um círculo imaginário, todos de mãos dadas, desejemo-nos UM LINDO DIA.

Marcial Salaverry

22/05/2015

VAMOS TENTAR UM PENSAMENTO DE PAZ

A paz é tão fundamental para nossa vida, que realmente vale a pena envidar esforços para ao menos tentar despertar o pensamento de todos nesse sentido... 
Ósculos e amplexos, 
Marcial


Para conseguir, podemos, num exercício de imaginação, fazer um pensamento de Paz, ao menos um pensamento... Quantos mais nos unirmos nesse pensamento, mais forte ele poderá ser, desde que exista dentro de nós esse real objetivo. Desde que tenhamos efetivamente, paz dentro de nosso coração, se cada qual fizer sua parte, estaremos possibilitando a transmissão dessas energias à humanidade inteira. Ou quase. Ou pelo menos a quem se disponha a recebe-la.

Basta um só pensamento, bem direcionado, com toda nossa concentração, onde quer que se esteja, e para tanto, basta nos libertarmos de todos os pensamentos que nos angustiam, de tudo aquilo que nos estiver pesando sobre os ombros, de todos os fardos que nos oprimem, de todas as idéias que possamos ter de algum revide, alguma vingança. É importante jogar fora todas os sentimentos negativos que estivermos eventualmente carregando, e assim deixar que os sentimentos positivos penetrem em nosso coração, guiando nossos passos, conduzindo-nos para um caminho que nos aproxime daqueles que nos são próximos, mesmo que não o estejam no momento, numa tentativa de encurtar as distâncias que ora estão nos separando. 
Para tanto, basta colocar um raio de sol em nosso coração, para que nossas palavras saiam luminosas, cheias de luz e paz, e para tanto, é importante limpar nosso interior de toda negatividade. É fundamental o exercício do amor e da fraternidade...
É necessário aprender a amar o próximo, seja quem for e esteja onde estiver, procurando auxiliá-lo sempre que for preciso, e nos for possível, tentando caminhar de mãos dadas. Cada qual tem seu passo, é certo... Imaginemo-nos então de mãos dadas, num caminhar sereno e tranquilo, sempre deixando que uma idéia de paz nos penetre no espírito, dando-nos a consciência de que de nada nos valerá se alguma desgraça atingir a quem quer que seja, mesmo que seja alguém que nos deseje o mal, aliás, quem sabe se nosso pensamento positivo o irá atingir também, modificando seu pensar? Pode até acontecer, e será bom para os dois lados. Não custa tentar. Sempre será melhor do que deixar que pensamentos amargos nos dominem, será necessário realmente que tenhamos força e coragem para seguir adiante, procurando usar a fé quando os obstáculos parecerem intransponíveis, ajudando-nos a superar nossos desafios. Se plantarmos essas sementes da paz em nosso coração, sempre conseguiremos “contaminar” alguém, e não nos sentiremos sós nessa empreitada de Paz. Contudo, se não tivermos êxito, não podemos lamentar o tempo perdido, nem tampouco chorar por não o termos conseguido. O importante é que fizemos nossa parte e podemos acreditar que sempre algo frutificará. 
Pelo menos preparamos nosso espírito para respeitar opiniões outras, mesmo que não condizentes com nossos ideais. Fica por conta do livre arbítrio, pois cada qual tem sua maneira de levar a vida, e sempre acabará respondendo por seus atos. Não nos cabe puní-los. Quando muito, apontar suas falhas, e deixá-los decidir seu destino. Li um pensamento lindo, creio que de L’Inconnu, e o deixo como encerramento, para que possamos meditar sobre essas palavras, e termos em consequencia, UM LINDO DIA:

"O tempo é a marca apenas do homem e do que é perecível, envelhecível e não conta para o espírito que é eterno...A matéria é apenas experiência transitória e por isto, não nos detenhamos nela, não nos deixemos aprisionar por ela, porque nossos Destinos são as Estrelas. "

Marcial Salaverry

ABRAÇO AMIGO DE BOM DIA

Em nome da amizade, consguiremos atravessar qualquer
ponte que queira separar verdadeiros amigos...
Para um bom começo de dia,
nada melhor que um abraço de amizade... 
Amizade, rima com fraternidade, 
e também com sinceridade, 
e sendo uma amizade de qualidade, 
sua melhor rima é com reciprocidade... 
Venha de lá um abraço, 
para bem começar o dia... 
E hoje, é o Dia do Abraço Amigo... 
Comemoremo-lo, pois, 
com abraços e beijos amigos de montão... 
E com um abraço amigo, 
atravesso a ponte contigo, 
e isso claro que consigo 
em nome de uma linda amizade... 

Marcial Salaverry

21/05/2015

PARA SENTIR-SE FELIZ

Não existe fórmula mágica que faça alguém sentir-se feliz...
Basta que saiba sentir a felicidade brotando de sua alma.
Ósculos e amplexos,
Marcial


Para sentir-se feliz, basta saber que felicidade é um estado de espírito, portanto, como tudo na vida, é algo muito relativo, e se tudo na vida é relativo, relativa também é a idéia que cada um faz da felicidade.
Pode ser dinheiro no bolso, cerveja na geladeira, roupa nova no armário. Coisinhas simples, como carro novo, iate...
Namorar bastante, pois o amor tem ligação estreita com a felicidade, mas é preciso um amor que nos faça sorrir até mesmo sem vontade de sorrir... 
Pode ser o sucesso, o simples fato de se achar importante, o que, aliás, também é relativo, pois sempre existe a dúvida, se ser importante é ser conhecido, é bom saber que o noticiário politicopolicial está cheio de nomes bem conhecidos que, se podem ser considerados importantes, certamente não devem considerar-se felizes...
Viajar pode trazer felicidade, mas se for viagem de lazer, e não de dever... 
Na verdade, ser feliz é ser gente, é ter vida. É viver sem chegada, sem partida. É sonhar, é chorar, é sorrir, é poder ser dono de seu destino. E isso é difícil toda vida, pois sempre temos obrigações com alguém... Então temos que rever um pouco esse conceito, e vamos procurar uma maneira mais fácil e coerente para ser feliz. Bem, na verdade, para sentir a felicidade é poder viver cercado de amor, é espalhar amizade, para poder ter sempre o calor do abraço sincero de suas amizades.
Para sermos felizes, na verdade, precisamos de pouco. Basta-nos estar vivos e saber aproveitar as coisas boas que a vida nos oferece, sem reclamar quando não conseguimos o que queremos, pois o saber viver com o que temos, e procurar melhorar, é que pode nos fazer conseguir atingir o objetivo, e conquistar essa tão anelada felicidade.
Ser feliz é ver todo dia um sorriso de criança, nem que seja seu reflexo no espelho. Um sorriso franco e honesto para a vida, é um sorriso de criança. É saber curtir uma música, um poema, o alegre abanar da cauda de um cão feliz, a paz de uma criança dormindo. É ter paz dentro de si, conseguindo viver sem ódios ou rancores. É descobrir que todos os dias a vida se inicia novamente a cada amanhecer, faça chuva ou faça sol...
É conseguir enxergar outras pessoas, admitindo que elas também podem (e devem) ser felizes. É fazer com que a vida valha a pena ser vivida, fazendo dela uma grande aventura, a maior loucura, um enorme prazer.

E, principalmente, é conseguir SER amigo, primeiro de você mesmo. Dado este primeiro e importante passo, conseguir TER e MANTER amizades duradouras ou efêmeras, mas que sejam sinceras, e que realmente tenham prazer em estar com você, em dialogar com você, que sejam capazes de se sentir juntas ainda que eventualmente distantes, e assim, você será feliz e, mais importante ainda, fará outras pessoas felizes, sempre podendo fazer de cada dia, UM LINDO DIA, com LUZ, PAZ, AMIZADE E AMOR. 

Marcial Salaverry