FASCINANTE

27/04/2017

APENAS ALGUNS PENSAMENTOS

APENAS ALGUNS PENSAMENTOS
Marcial Salaverry
 
CONVITE
Que tal apreciarmos algumas "frases do poeta Marcial Salaverry"

Para alguma coisa servem as decepções... Para nos servir de lição...
Apenas precisamos saber de nossos erros e acertos...
Corrigir o que erramos, e melhorar o que acertamos...
Não se deve fazer o contrário...
__________

Aprendi que não posso fazer com que alguém me ame, apenas me converter em alguém a quem se pode amar;
o resto irá depender dos outros, pois é importante saber ser amado...
__________

Em nossa vida, o amor pode aparecer, mas é preciso que apareça em consonância.
A reciprocidade é que nem sempre acontece, nem sempre amamos quem nos ama, ou somos amados por quem amamos.
Acertando, é preciso saber segurar, e é aí que mora o complicativo...
Muitas vezes o temos ao alcance da mão, e não sabemos identificar.
__________

Por vezes nos vemos na contingência de escolher
entre a claridade do amor, ou a escuridão do desamor...
A escolha parece óbvia, mas tem quem prefira ficar na escuridão...
__________

Amor... Paz... Serenidade...
Amizade... Tranquilidade...
Caminho para a Felicidade...
__________

Por vezes a mente divaga...
E sai somente algo que
só mente demente poetalmemente produz,
por ser uma poetal mente...
__________

Ao invés de promover "Manifestações de Protesto",
que geralmente geram violência, que tal promover
uma 'MANIFESTAÇÃO PELA PAZ", que seja realmente
pacífica, e que comece dentro dos lares...

MARCIAL SALAVERRY

UM AMOR ESTRANHO

UM AMOR ESTRANHO
Marcial Salaverry

Por vezes achamos que o amor é estranho,
ele chega a parecer um sonho,
e em sua intensidade,
só quer sentir felicidade...
E na intensidade do sentimento,
não permite qualquer lamento,
pois para o amor tudo é permitido,
quando intensamente o sexo é vivido...
A presença, sempre encanta,
sem ela, nada adianta...
Sempre sentindo uma doce emoção,
no fervor dessa quente sensação,
o não se quer é ficar sozinho,
estar perto de quem se ama, é o caminho...
Vivendo o amor sente-se felicidade,
e é dele que se sente necessidade...
Existem sofrimentos no caminho,
que são diminuídos por muito carinho...
Beijos, que sempre são quentes,
carinhos, sempre tão ardentes...
Sente-se na pele toda a  reação
que incendeia o coração...
Os corpos perfeitamente encaixados,
trocam carinhos sensuais e apaixonados,
Quando o entendimento é perfeito,
tudo parece ser sem defeito...
Vibrando com o  ápice  da paixão,
acontece uma alucinada explosão
quando as almas estão concentradas,
sentindo-se completamente apaixonadas...
De corpo e espírito acontece o amor,
sempre pleno de um gostoso calor
quando dessa maneira é vivido
um amor tão desejado e querido...

Marcial Salaverry

UMA DOCE SAUDADE

UMA DOCE SAUDADE
Marcial Salaverry



Sentir uma doce saudade,
se por uma alegria vivida,
é reviver a felicidade
que já se teve na vida...

Marcial Salaverry

SONHADOS BEIJOS DE AMOR

 


SONHADOS BEIJOS DE AMOR
Marcial Salaverry
 
Beijos de amor, são aqueles beijos sonhados,
beijos com os lábios colados,
com corpos tremendo de emoção,
fazendo vibrar o coração...
Corpos ansiosos, gulosos, frementes,
em busca das carícias mais quentes...
Lábios transmitindo quentes sensações,
despertando as mais eróticas emoções...
Emoções que fazem despertar desejos,
que só se aplacam com mais beijos...
Aquele fremente delírio do sexo,
vibrante, quente, desconexo...
Fala-se o que vem do fundo da alma,
vibração estranha, e que só se acalma,
quando se sente o prazer total...
Assim  são os beijos de amor,
que enchem nossa vida de calor...
 

ENTENDER E ACEITAR A PASSAGEM DO TEMPO

É importante entender a passagem do tempo e o que isso pode provocar em nossa vida.
Como é impossivel deter a marcha do tempo, temos que saber amadurecer sem envelhecer,
não permitindo que nossa alma envelheça e nem envileça, vamos deixar o problema apenas
com o corpo...
Osculos e amplexos,
Marcial

ENTENDER E ACEITAR A PASSAGEM DO TEMPO E A VIDA
Marcial Salaverry

Entendendo ser algo inevitável, temos que saber encarar a passagem do tempo, e entender que podemos amadurecer sem envelhecer. É preciso sabermos encarar essa idéia, aceitando que efetivamente é impossível deter a marcha do tempo, vamos procurar com boas idéias, saber que podemos encará-la numa boa.

As idéias amadureceram mais um pouco, pois li um pensamento de L'Inconnu que se aplica à perfeição ao tema e que exige uma certa reflexão. Vejam se não estou certo:
"Pense em si mesmo como alguém que tem direito à felicidade".
Temos de convir que L'Inconnu teve uma sábia inspiração, pois é exatamente essa a sugestão que se pode passar para as pessoas que começam a se entregar ao peso dos anos, esquecendo-se de que enquanto estamos vivos, sempre temos algo a fazer, e não podemos nos entregar à idéia de que "estamos velhos e nada mais temos a fazer".

Acredito que a pior coisa que pode acontecer a uma pessoa é chegar naquele ponto em que acha que nada mais tem a fazer e entrega os pontos. Pode-se dizer que morreu em vida. E como é ruim quando isso acontece. Chegando a esse ponto, realmente começa a morrer para a vida, e assim sendo, sinceramente gostaria de pegar cada uma dessas pessoas apenas para tentar mostrar que todos, sem exceção temos algo a fazer por alguém. Ninguém está completamente inutilizado para a vida.

Temos que nos lembrar de que todos tem direito à felicidade, à vida, mas temos que saber buscá-la, uma vez que não se pode esperar que ela caia do céu.
E... como buscá-la? Argumentou uma amiga, acrescentando que estava viúva há já alguns anos, e que sentia muito a falta do marido, e não via mais razão de viver. Vamos relembrar este episódio, porque já teve uma outra sequência, e para tanto, vamos transcrever o diálogo que aconteceu há algum tempo:

"Após ouvi-la, deixei-a chocada quando perguntei por que então não se enterrava junto (tipo tratamento de choque). Sugeri depois, que começasse a viver, pois tinha direito à felicidade. Indiquei-lhe procurar os Centros de Convivência da Terceira Idade, que procurasse grupos de excursão, que procurasse, enfim, contato com pessoas vivas, e que enfim, ao invés de ficar em casa chorando a perda do companheiro querido, que procurasse sim, manter as recordações de todos os bons momentos vividos juntos, e que fosse tentar viver.  Bem, para encurtar a história, hoje essa pessoa continua só, mas notei uma alegria de viver no brilho de seus olhos. Tem viajado constantemente. Nas reuniões do Cecon, conversa com amigas lá conhecidas, faz tricô, está aprendendo pintura em seda. Enfim, está vivendo. Está feliz. Esqueceu o marido? Claro que não. Sempre se lembra dos momentos felizes vividos juntos. Mas são lembranças boas, e não amargas. Não lamenta mais o fato dele não estar mais aqui, mas sim alegra-se por ter tido sua companhia por tantos anos."

Bem isso foi em novembro de 2008. Hoje, tive o prazer de encontrar essa amiga. Pareceu-me rejuvenescida. Está amando. Encontrou um outro coração solitário, e estão namorando. Ela tem 71 anos, e o feliz noivinho, tem 74. Estão felizes. Estão vivendo novamente. Fiquei feliz quando ela me disse que foi aquele diálogo que abriu seus olhos para a vida, e é fácil entender que, como ocorreu com ela, qualquer pessoa solitária pode encontrar um outro alguém que esteja igualmente solitário. Claro que não se pode esperar que surja uma grande paixão, um grande amor. Mas basta que surja alguém com quem possa dividir a solidão. Alguém com quem se possa caminhar de mãos dadas pela vida...

Verdade seja dita, tal encontro não é imprescindível, pois é perfeitamente possível administrar-se a solidão. Basta que se encontre uma ocupação. Algo com que preencher o tempo ocioso.  Os fatos são os mesmos, o que muda é o enfoque. É a maneira de se encarar os fatos.
Se a idéia serviu para uma pessoa que estava completamente amargurada, poderá servir para qualquer pessoa. Basta que consiga acender uma pequena luzinha em sua vida. Basta que entenda seu direito à felicidade e saiba usá-lo.

E amigos, como é bom sentir-se VIVO, como é poder agradecer ao Amigão o fato de sentirmos a alegria de viver.
Para cada problema existe uma solução. Só temos que saber procurar. O importante é nunca entregar os pontos. E o ponto final da vida só surge quando ela efetivamente acaba, e nunca antes.
Bem crianças, vamos sempre procurar viver, e para isso, o melhor é fazer de cada dia, sempre UM LINDO DIA...

26/04/2017

CONVERSANDO COM O AMIGÃO

CONVERSANDO COM O AMIGÃO
Marcial Salaverry
 
Por vezes chegamos a uma encruzilhada, e não sabemos que o
melhor caminho a seguir, e nos perguntamos "Onde estou? Para onde vou?"
Se estivermos nesse ponto, é chegado o momento de procurar
um entendimento com Ele, que poderá aclarar a situação, apenas
será preciso saber entender o que Ele vai nos dizer...
Existem certas ocasiões em que nos é imprescindível apelar para a Fé,
e procurar aquele contato humilde com nosso Amigão.


Marcial Salaverry

VALE A PENA MANTER UM PAPO AMIGO COM O AMIGÃO

 




Onde estou? Para onde vou?
Se estivermos nesse ponto, é chegado o momento de procurar
um entendimento com Ele, que poderá aclarar a situação, apenas
será preciso saber entender o que Ele vai nos dizer...
Existem certas ocasiões em que nos é imprescindível apelar para a Fé,
e procurar aquele contato humilde com nosso Amigão.
Osculos e amplexos,
Marcial

VALE A PENA MANTER
UM PAPO AMIGO COM O AMIGÃO
Marcial Salaverry

Um papo amigo com o Amigão, é algo de que não podemos abrir mão, eis que existem momentos em nossa vida, em que é imprescindível buscarmos apoio, e até mesmo uma certa orientação com alguém, ou então com Alguém...

Nessas ocasiões, quando olhamos para a frente, e o caminho nos parece escuro, olhamos para os lados, e vemos que estamos sós, olhamos para trás, e parece estarmos sendo perseguidos por hordas inimigas, é que precisamos realmente da ajuda da Fé, pois pouco ou nada podemos fazer por nossos próprios meios.

Sentimo-nos desamparados, sem ter a quem recorrer. Nesse momento, fatalmente
 lembramo-nos de que uma força superior nos comanda. Essa força superior atende pelos mais diversos nomes (eu chamo de Amigão, por ser o maior e melhor amigo que tenho...).

E o caminho é exatamente esse, buscar aquele papo com o Amigão, certo de que Ele nos atenderá. Mas como saber o que Ele nos fala? Apenas há que saber interpretá-Lo, pois Ele nos passa sinais, e temos que entendê-los. É necessário muita fé, caso contrário, faremos ouvidos moucos às suas indicações, e não conseguiremos acertar o caminho a ser seguido.

Não há que procurar explicações, porque não as teremos, vamos procurar o lenitivo que certamente virá, se soubermos encontrá-lo. Muitas vezes o caminho que nos surge não era aquele que desejávamos, pois teremos que renunciar a um lindo sonho porque este se nos afigura impossível, por razões aparentemente irrelevantes, mas que são o sinal de que esse é o caminho. E sempre é triste renunciar a algo fortemente desejado. Muitas vezes, é nessas renúncias que mostramos nosso real valor, pois teremos que ter muita força de vontade, para não nos deixarmos sucumbir.

Não procure entender o que houve, pois a procura pelo entendimento pode causar uma frustração maior, apenas há que aceitar. Essa aceitação dará mais forças para absorver uma possível frustração, além de renovar forças para novas tentativas em busca do sonho. O que não foi possível agora, sê-lo-á mais tarde, se tivermos força de vontade suficiente para retomar nossos projetos. Encaremos como um adiamento para o sonho, e não como um sonho que findou..

Não procure saber o porque. Foram circunstâncias que o impediram de se realizar. Apenas analisar a situação, e recarregar baterias para novas investidas. Já aconteceu, portanto o desenlace não poderá ser evitado. Vamos apenas procurar reestudar tudo, ou então mudar de projeto, procurando algo cuja viabilidade seja maior, e quantas vezes uma mudança dessas representou o ponto de partida para o sucesso.

Apenas procuremos a paz dentro do coração. Por que assim tudo parecerá mais claro e facilmente solucionável, e isso é algo que forçosamente saberemos encontrar, caso contrário, tudo se complicará realmente...

Sem paz interior tudo fica muito mais difícil, e essa paz, depende exclusivamente de nós, demore o tempo que demorar, as coisas podem se resolver, ou findar, em um átimo de segundo, portanto, vamos tratar de viver enquanto vivos estivermos, mas logo ficará aquela doce lembrança de bons momentos vividos. Ou mesmo apenas imaginados.

Quando algo finda ou parece findar, sempre deveremos buscar lenitivo no que houve de bom, de agradável, e fixar lembrança nesses bons momentos, buscando forças para novas tentativas, são as boas lembranças que poderão aclarar o caminho, pois são como luzes do passado, iluminando o futuro, enquanto as más recordações são as hordas inimigas que nos perseguem...

É esse o caminho, deveremos sempre afugentar os inimigos, com a força dessas luzes. Sempre pensar positivamente, ou ao menos tentar, é claro.

Não é fácil, mas se o fosse, nada teria graça. Temos que mostrar nosso valor, fazer valer nossa força interior, e não apenas ficar esperando as coisas acontecerem. Ser fatalista, aceitar o destino, não é ficar passivamente parado esperando que algo aconteça. Temos que fazer nossa parte, aliás, Ele já disse: "Ajuda-te que eu te ajudarei..."

Fé, crianças. Muita fé. No Amigão, e também nas amizades queridas, que estarão sempre pedindo por nós em suas orações, ou nos emprestando apoio. E isso tem muita força, não tenham dúvida nenhuma...

Assim, vamos sempre com um pensamento positivo, porque UM LINDO DIA nos espera.
 

O AMOR E O DESTINO

O AMOR E O DESTINO
Marcial Salaverry

O amor tem tudo a ver com o Destino,
pois amar é nosso destino...
Fomos destinados para amar,
e amando nossa vida levar...
Assim é o amor,
a ser vivido, seja como for...
Tem as cores da vida,
que com amor é vivida...
Tem os odores do amor,
vivido com calor...
Tem a força da natureza,
mostrando corpos nus em sua beleza...
Tem o gosto dos beijos,
trocados com desejos...
Tem a sabedoria do tempo,
de um amor sem contratempo...
Tem o prazer quase divino,
deste amor que é o Destino...
Temos que viver, então,
sempre com amor no coração...

Marcial Salaverry



25/04/2017

PARA SENTIR UMA DOCE EMOÇÃO

PARA SENTIR UMA DOCE EMOÇÃO
Marcial Salaverry

Deseja-se no olhar mergulhar,
sentindo a doçura de amar...
De viver um amor ter a ventura,
sentindo uma doce ternura...
Ao recordar tão doce lembrança,
sempre ficará a esperança,
de sempre poder abraçar,
e com paixão poder beijar,
sentindo do amor toda a emoção,
que dá vida eterna ao coração...
O desejo será saciar o grande desejo,
de sentir do amor todos os ensejos,
para assim viver o amor,
seja do jeito que for...

 Marcial Salaverry

A BELEZA DA MULHER

A BELEZA DA MULHER
Marcial Salaverry

Existem belas mulheres... existem mulheres belas...
A verdadeira beleza é aquela que está no interior...
Todas as mulheres são belas, cada uma, à sua maneira...
O importante é saber compreende-las, e saber amá-las...

Marcial Salaverry