FASCINANTE

30/11/2016

FAÇA AMOR, NÃO A GUERRA // HAGA EL AMOR, Y NO LA GUERRA


FAÇA AMOR, NÃO FAÇA A GUERRA
Marcial Salaverry

Falo daquele amor pela humanidade,
que às almas dá felicidade...
Falo daquele amor sincero, quente,
que vem do interior da gente...
De gente que se considera gente,
e que vive em permanente
estado de amor.
É muito mais fácil e gostoso amar,
do que entregar-se ao ato de guerrear...
É muito mais gratificante fazer um carinho,
do que fazer da morte o seu caminho...
Por que a violência?
O amor é a verdadeira ciência...
Amar ao seu semelhante,
mas amar o bastante,
para jamais pensar em matá-lo...
Por que não ajudá-lo?
Temos que tirar do espírito a maldade,
e assim termos a felicidade
de poder para o céu olhar,
apenas pensando em amar,
e dizer, como que num aparte:
Amigão: Fiz a minha parte...

Marcial Salaverry
______________________-

HAGA EL AMOR,  Y NO LA GUERRA
Marcial Salaverry

Hablo de aquel amor por la humanidad,
que a las almas trae felicidad...
Hablo de aquel amor sincero, ardiente,
que viene del interior de la gente...
De gente que se considera gente,
y que vive en permanente
estado de amor.
Es mucho más fácil y exquisito amar,
qué entregarse al acto de guerrear...
Es mucho más gratificante hacer un cariño,
y no hacer de la muerte su camino...
Por qué la violencia?
El amor es la verdadera ciencia...
Amar a su semejante,
pero amarlo bastante,
para jamás pensar en matarlo...
Por qué no ayudarlo?
Tenemos que quitar del espíritu la maldad,
y así tenermos la felicidad
de poder para el cielo mirar,
sólo pensando en amar,
y decir, como que en uno aparte:
Amigón: Hice mi parte...

Marcial Salaverry

 

AS TERNAS E ETERNAS SURPRESAS DO AMOR

O amor sempre nos surpreende... e que gostosas surpresas...
Adoramos vive-las, e as queremos por toda nossa vida...
Vamos fazer do amor nossa vida, vivendo-a com amor...
Osculos e amplexos,
Marcial

AS TERNAS E ETERNAS SURPRESAS DO AMOR
Marcial Salaverry

Podemos afirmar sem possibilidade de êrro, que desde que nascemos, o amor é responsável, em qualquer de suas manifestações, pelas maiores emoções de nossa vida.  Aliás, melhor dizendo, o amor é a maior emoção de nossa vida. Quer maior emoção do que o milagre do nascimento?

Desde o momento em que nascemos, somos assaltados pelo amor, e assim instintivamente, nossa primeira reação é procurar o aconchego do seio materno, começando aí nossa primeira relação de amor.

Desde a mais tenra infância, sempre é o amor que comanda nossas reações.  Gostamos ou não de nossa escola, de nossas professoras, de nossos colegas.  Sempre sentimos mais ou menos simpatia por este ou aquele.  São reações amorosas, pois a amizade é a mais terna relação de amor que existe, e isso se manifesta desde sempre, eis que é o amor que nos faz gostar ou desgostar de determinadas pessoas, animais, ou objetos...

Não podemos nos esquecer de nossos bichinhos de estimação, e até mesmo de nossos brinquedos.  Sem que possamos explicar, gostamos mais de uns do que de outros.  É o amor comandando nossas reações, as mais instintivas possíveis. É o amor, a mais natural reação de nosso instinto.  O medo, é uma reação de amor.  Pois é o amor pela vida que faz com que tenhamos medo de situações perigosas.  Alguns o tem mais desenvolvido, outros nem tanto.

Nem sempre esses amores tem livre desenvolvimento, dependendo de como nossos pais nos conduzem e preparam para os vivermos, e nessa fase, certamente começam os primeiros questionamentos, sobre o porque de sentirmos mais afeto por determinadas pessoas e menos por outras.  Como explicar esse mistério? São coisas da alma, do amor...

Com o passar do tempo, nossos instintos começam a dar lugar para um outro  amor, que envolve outro tipo de relacionamento.  Começamos a sentir certos formigamentos diante de um certo alguém.  Sentimos o coração mais acelerado quando olhamos aquela pessoa especial.  É o amor paixão, o amor carnal que começa a despertar os hormônios.

E esse amor é o mais complexo que existe, pois nele começamos a planejar nosso futuro, e a nos espelhar em nosso passado.  Muito do que vivemos poderá provocar reflexos em nossas novas relações.  Muitas vezes, uma educação muito rígida quando criança, terá reflexos na vida adulta, afetando a futura relação amorosa, devido a certos traumas trazidos da infância.

Esse amor assim surgido, irá provocar modificações substanciais em tudo que já vivemos, e precisamos saber adaptar-nos à nova situação, encarando com naturalidade tais mudanças, preparando-nos para elas, e certamente é algo que depende de uma adequação muito necessária, e que exigirá muito diálogo e uma boa dose de bom senso para que o futuro não seja muito tumultuado.

O amor  provoca um desencadear de emoções diversas, sempre nos deixando com a sensibilidade à flor da pele, ora nos emocionando, ora causando certa irritação, sempre dependendo do que passamos com a pessoa amada. E tais reações tem que ser bem dosadas, para que o amor não seja muito afetado por explosões de mau humor.

Contudo, o amor é um excelente lenitivo para amenizar dores causadas por problemas outros, apesar de sempre provocar situações contraditórias, ora causando  lágrimas, ora sorrisos, ora choros convulsos, ora risadas incessantes... Por vezes um dormir tranquilo, ou  um sono agitado, poderemos ter lindos sonhos, ou sofrer terríveis pesadelos.

Enfim, todas as emoções possíveis e imaginárias são desencadeadas em nosso organismo por simples caprichos do amor, que sempre estará dominando nosso emocional.

Durante toda a nossa vida, estaremos sujeitos ao amor. E sempre o estaremos desejando, pois é impossível viver bem sem gostar-se de alguém, seja um amor, ou um amigo, ou um neto, um bisneto, um sobrinho, um gato, um cachorro ou um papagaio, ou mesmo um computador.  É importante termos alguém com quem conversar, trocar uma idéia, e até mesmo brigar.  Deve ser muito triste o viver de um eremita.

Mas, até mesmo ele poderá ter alguém com quem conversar, se souber conversar com Deus, e bem amá-lo.
E certamente é Deus o mais verdadeiro e autêntico amor de nossa vida (que me desculpem os ateus... Aliás, já ouvi de um ateu muito amigo meu (meu pai), uma frase que jamais esqueci: "Graças a Deus sou ateu...).

E com Deus no coração, desejo que todos possam fazer de cada dia, sempre UM LINDO DIA.  

APENAS O LUAR

(imagem do google)

APENAS O LUAR
Marcial Salaverry
Deixando a luz apagada,
faz-se uma carícia apaixonada...
Em noites de luar,
ao luar se pode bem amar...
é algo estimulante,
incitando a amar bastante...
Ao luar, vive-se um sonho de amor,
sentindo pelo corpo um suave torpor...
Corpos nus a se unir,
a lua no céu a surgir,
sentindo o prazer por vir,
numa promessa de um prazeroso porvir...

Marcial Salaverry

29/11/2016

UM DESEJO DE AMOR


UM DESEJO DE AMOR
Marcial Salaverry

Num sonho de amor,
um desejo que à vida traz calor,
é imaginar-se como
o sol que aquece a nuvem,
como o amor vem aquecer
gostosamente nosso coração,
dando-lhe uma quente emoção...
Deseja-se ser o vento
que a nuvem pode empurrar,
trazendo o amor para os abraços
de quem espera com braços
bem abertos, prontos para amar...

Marcial Salaverry

UM SUSSURRO DE PRECE

UM SUSSURRO DE PRECE
Marcial Salaverry
 
Por vezes algo como um sussurro ouvimos,
ou é impressão que apenas sentimos,
pode ser algo que devemos ver,
e nem sempre podemos perceber...
Esse sussurro de prece,
que aparece e desaparece,
é como um canto da Natureza,
trazendo para a alma a beleza
que nos é presenteada pelo Senhor,
neste cântico de amor,
que quer nos mostrar como é bela a vida,
se a vivermos como deve ser vivida,
em clima de PAZ E AMOR,
ouvindo a voz do Senhor...


Marcial Salaverry

NAMORANDO AO LUAR

 
NAMORANDO AO LUAR
Marcial Salaverry

Nessa doce espera tua,
quero teu sono embalar,
namorando à luz da lua,
esperando para amar...

 
Marcial Salaverry

NOITE ESTRELADA

 
 

NOITE ESTRELADA
Marcial Salaverry
 
Numa noite estrelada,
estrelas para uma estrela...
Será presente que se apresente?
Será algo demente,
ou será premente?
Pra você, minha querida,
as estrelas são sua vida...
Sempre brilhantes,
como sua alma... seu sorriso...
Coloco as estrelas na palma de sua mão...
Guarde-as com o meu coração...


Marcial Salaverry

NOSSAS AMIZADES ESPECIAIS

O que de melhor podemos ter na vida,
são aquelas amizades que podemos
considerar como amizades especiais...
Especiais são aquelas amizades que
passam por nossa vida, e ficam,
mesmo quando se ausentam...
E que deixam lembranças perenes...
Osculos e amplexos,
Marcial

NOSSAS AMIZADES ESPECIAIS
Marcial Salaverry

Algo que sempre poderá marcar nossa vida, será o fato de termos convivido com aquelas amizades que deixaram marcas indeléveis, que podemos considerar como amizades especiais, ou seja, aquelas criaturas com quem cruzamos em nossa caminhada, e que permanecem em nossa lembrança.
Aliás, na verdade, são aquelas amizades que de uma maneira ou outra, deixaram sua passagem marcada indelévelmente em nossa vida, seja porque nos despertaram um sentido de carinho mais especial, seja porque nos fizeram algum ou alguns grandes favores, seja apenas por estarem vivas e nos proporcionaram bons momentos.
Em suma, as razões são várias, mas acredito que todos nós sempre tivemos um alguém muito especial em nossa vida, seja  em épocas mais remotas, ou mesmo mais recentemente. Seja de hoje, de ontem, ou do século passado, ou de vidas passadas, as marcas ficaram.

Meu querido guru L’Inconnu,  mandou-me  uma mensagem que fala sobre assunto. Vejam só:
"Quem é especial....... fica !!! Dizem que se leva um minuto na vida para reparar numa pessoa especial, uma hora para apreciá-la, um dia para amá-la, mas é necessário uma vida inteira para esquecê-la....
E por vezes nunca conseguimos esquecê-la."
São essas pessoas especiais que, sabe-se lá por quais razões, despertaram um sentimento especial,  uma afinidade maior. Alguma coisa bateu lá dentro e pronto, simpatizamos por demais com um certo alguém, bateu aquela coisa diferente em nossa alma, houve um entendimento, aparentemente inexplicável. Aquele não sei o que e nem bem porque, mas o certo é que é.

Muitas vezes somos tratados de uma mesma maneira por pessoas diferentes, mas o que "cai bem" se dito por uma, pode nos parecer antipático se dito por outra. Por que isso? Quem saberá explicar?
Uma das explicações que já ouvi, e da qual compartilho, faz alusão a resgates de vidas anteriores. Mas tal lógica pode parecer ilógica para quem não aceita a teoria da reencarnação. E não se pode jamais discutir o mérito da questão. Cada qual tem seus pontos de vista, que sempre devem ser respeitados, salvo se desejar se aprofundar no assunto.

Existem diversas explicações, mas o certo é que isso realmente ocorre. Esse fenômeno que determina nossa simpatia por alguém e nossa antipatia por outro alguém é um fato indiscutível.
Explicações? São por demais subjetivas, e passíveis de polêmica. E, em nome da amizade, para que criá-las? Aceitemo-las e pronto, mesmo porque, não há razão para discuti-las, pois sempre será uma questão de ponto de vista, e que deve ser respeitado.

O interessante é que muitas vezes pensamos desfrutar de uma amizade muito especial, mas por motivos alheios à nossa vontade, essa amizade se desmancha, e prontamente nos esquecemos dela. E de outras, o esquecimento fica mais difícil, e sempre tentamos uma reaproximação. Por que esse fato de rapidamente assimilarmos uma ausência, enquanto outras, não são "esquecíveis"?
Por que existem pessoas que desejamos que fiquem horas a nosso lado conversando, e outras que à sua simples presença, já esperamos que logo nos favoreça com a ausência?
Fala-se que todos nós temos uma aura em nosso redor. Alguns a tem positiva, e atraem amizades. Outros a tem negativa, e repelem amizades. É uma explicação bem simplista e com muita lógica. Por que então, uma mesma pessoa tem amigos e inimigos? Por que A atraiu a amizade de B, e a inimizade de C? Realmente é curioso isso. Não existe pessoa que não tenha sequer um amigo. Então a aura, por mais negativa que seja, atraiu a positividade de alguém, ou será uma outra aura igualmente negativa?
São opostos ou os semelhantes que se atraem?
Por que uma pessoa é simpática para muitos, e antipática para outros?
Convenhamos que a primeira teoria tem um pouco mais de lógica.
Agora, em total concordância com L’Inconnu, temos que convir  que é muito difícil esquecer uma velha e boa amizade, lá isso é. Tenho diversos e bons amigos perdidos nas brumas do passado, mas que sempre estão nas lembranças, e vez em quando bate uma saudadinha, e sempre acontece algo que nos traz essa criatura à lembrança... Realmente curioso...
Então crianças, todos os que assim o desejarem, convido para formar um círculo imaginário, darmo-nos as mãos, desejando-nos UM LINDO DIA, e que nunca seja cortado esse liame de boas amizades..

28/11/2016

COM PAZ NO CORAÇÃO


COM PAZ NO CORAÇÃO
Marcial Salaverry
 
Com paz no coração,
a vida tem uma gostosa emoção,
e o amor fica bem melhor para se viver,
fazendo a alma bem sobreviver...
Para nossa felicidade, o amor é um sentimento
que, quando vivido em paz, não cabe o lamento...
Assim sendo, para bem amar,
é preciso sempre saber levar
o sentimento de paz no coração...
Considerando que o amor é paz,
e quem disso não for capaz,
certamente é porque não sabe amar...
É preciso muto amar a Natureza e sua beleza,
assim como entender que amar a familia e fazer amizade,
é algo que sempre atrai felicidade...
Amar-se para os outros saber amar,
e igualmente saber ser amado...
E acima de tudo, nunca deixar de amar a Deus,
para não dar à vida, um triste adeus,
jamais esquecendo que para a vida, HÁ DEUS...

Marcial Salaverry  

VIDA E ESPERANÇA

VIDA E ESPERANÇA
Marcial Salaverry

Ao enfrentarmos um sofrimento,
antes de soltar nosso lamento,
devemos a Deus agradecer,
porque se estamos a sofrer,
é porque ainda estamos vivos,
e isso já é um lenitivo...
A vida é uma eterna disputa,
sempre nos estimulando à luta...
Com algo sempre a duelar,
que devemos derrotar,
e não podemos nos entregar
quando surgir em nosso caminho algum azar...
Não podemos esmorecer,
se quisermos na vida vencer...
Enquanto há vida, há esperança,
escutamos isso desde criança...
Então, não se pode desanimar,
enquanto a vida não acabar...
E sempre que um duelo se apresentar,
com coragem e disposição vamos enfrentar...

COM PAZ NO CORAÇÃO

 
 
COM PAZ NO CORAÇÃO
Marcial Salaverry
 
Com paz no coração,
a vida tem uma gostosa emoção,
e o amor fica bem melhor para se viver,
fazendo a alma bem sobreviver...
Para nossa felicidade, o amor é um sentimento
que, quando vivido em paz, não cabe o lamento...
Assim sendo, para bem amar,
é preciso sempre saber levar
o sentimento de paz no coração...
Considerando que o amor é paz,
e quem disso não for capaz,
certamente é porque não sabe amar...
É preciso muto amar a Natureza e sua beleza,
assim como entender que amar a familia e fazer amizade,
é algo que sempre atrai felicidade...
Amar-se para os outros saber amar,
e igualmente saber ser amado...
E acima de tudo, nunca deixar de amar a Deus,
para não dar à vida, um triste adeus,

jamais esquecendo que para a vida, HÁ DEUS...  

AS INEVITÁVEIS TEMPESTADES DA VIDA

Certamente iremos enfrentar algumas
tempestades na vida, e para melhor enfrentar
essas tempestades que iremos encontrar pela frente,
devemos saber usar algo chamado
BOM SENSO...
Osculos e amplexos,
Marcial

AS INEVITÁVEIS TEMPESTADES DA VIDA
Marcial Salaverry

Por mais que se tente, nem sempre poderemos evitar o fato de que, em nosso caminhar pela vida sempre iremos encontrar obstáculos,  que podem ser consideradas como autenticas tempestades que poderão  ser devastadoras, arrasando nossa vida, mais até do que acontece quando cai uma chuva torrencial, daquelas que inundam cidades.

Se quisermos a eles sobreviver, temos que saber enfrenta-las, para que nossa vida não vá de roldão, levada pela torrente de água, pois tempestades não são apenas as de água, raios e trovões, que são causadas pela Natureza, também podem assim ser considerados  aqueles percalços que nos prepara a vida, que são aqueles problemas que precisamos solucionar se quisermos prosseguir vivendo em boas condições. Alguns desses problemas foram causados por imprevidência nossa, por não termos sabido tomar os devidos cuidados. Outros, por contingências na vida, os chamados acontecimentos inevitáveis. Outros, provocados por terceiros que, deliberadamente ou não, nos causam aborrecimentos, cuja solução dependerá de como poderemos raciocinar,  na busca de soluções.

Tempestades também são aqueles acontecimentos que temos de enfrentar para defender nosso amor. Alguns, provocados por ciúme, muitas vezes infundado, outros, porque não soubemos agir corretamente, cedendo a algumas  tentações.
Mas o amor pode sobreviver a todas as tempestades, poderá mesmo sair  ileso de todas as armadilhas que o Destino tramar, se estiver bem plantado, se  for um amor de verdade, que esteja sendo vivido em clima de compreensão e respeito.
Quando amamos realmente, com aquele amor bem enraizado, adequadamente regado pela água do carinho, da compreensão, do respeito, as tempestades sempre serão vencidas, por mais fortes que sejam.

E assim, quando os parceiros podem olhar-se bem dentro dos olhos, dizendo: Nosso amor é NOSSO AMOR, e tudo poderá superar, basta um beijo especial para aquietar  um coração alvoroçado, um toque de mão, para reafirmar a sinceridade do que se diz com o olhar, serve como proteção contra a pior das tempestades. É um daqueles guardachuva de portaria de hotel de classe, que sempre oferece proteção contra as intempéries.

Como sinceridade é algo fundamental, é preciso que se diga, com toda a sinceridade, com real sentimento:
"Eu te amo para sempre, assim como espero que me ame, que nos amemos com sinceridade total enquanto a vida durar. Mas, se um dia uma tempestade final nos separar, poderemos dizer que valeu pelo tempo que juntos  vivemos, e pelo tanto que nos amamos, com este amor feito realmente de AMOR."

Certamente esta é a real base para que um amor se eternize. Carinho, confiança, respeito, reciprocidade, constituem a proteção perfeita para todas as tempestades que possam surgir pela frente.

Mesmo que desabe a maior tempestade, procure sempre fazer de seu dia, UM LINDO DIA.

27/11/2016

O AMOR EXIGE SINCERIDADE


É preciso entender que o amor exige sincera reciprocidade, tendo em mente que para viver um amor, não basta apenas um ato de amor, é preciso que o amor seja vivido com amizade, principalmente se considerarmos que a virtualidade propicia a possibilidade de desenvolver lindas amizades, que podem ser considerados autenticos fenômenos virtuais, e quando acontece um afastamento, sabemos porque choramos, por saber que é tão sublime a saudade de um amor, que pode provocar essas lágrimas de amor...

Marcial Salaverry

EM ALGUM LUGAR ESTÁ

EM ALGUM LUGAR ESTÁ
Marcial Salaverry

Se não está hoje presente,
não chore, não lamente,
estará em algum lugar certamente,
essa felicidade que tanto buscas...
Não será num simples beijo que irá encontrá-la,
por isso estás a buscá-la...
Queres alguem que queira te amar,
como estás assim a desejar...
Queres ser amada,
sentir-se apaixonada
com toda intensidade,
para sentir total felicidade...
Sinta-a na beleza da amizade,
que a tua espera permanece,
e é carinho que jamais perece...
Em algum lugar estará,
e por tua amizade esperará...


Marcial Salaverry

EFEITOS DA MUSICA EM NOSSA ALMA

É importante saber "sentir-se" feliz...
E a música pode nos ajudar a encontrar a felicidade,
que representa nosso paraíso interior...
Osculos e amplexos,
Marcial

EFEITOS DA MÚSICA EM NOSSA ALMA
Marcial Salaverry

É importante descobrirmos o que pode nos ajudar a fazer nossa alma feliz, e assim encontrarmos nosso paraíso interior, e certamente esse é o grande desejo de todos, mas, como poderemos descobrir esse tão desejado paraíso interior, e mais ainda como saber como chegar até ele, é o grande mistério da vida a ser desvendado...

Contudo, podemos chegar à conclusão de que existem diversos fatores que podem nos fazer sentir uma certa paz interior, que tem o condão de acalmar nosso espírito, levando-nos a certos devaneios, fazendo-nos minimizar ou até mesmo esquecer certos problemas que nos afligem, propiciando-nos assim uma gostosa paz interior, sendo meio caminho andado para que se possa encontrar o paraíso tão desejado...

Através da música, ou de uma determinada música que nos toque a sensibilidade, poderemos abrir caminhos até então secretos em nosso coração, eis que ela parece penetrar em nossa alma, através de nossos poros, encantando-nos e nos levando a deliciosas viagens. São músicas com as quais mantemos uma espécie de relação anímica, despertando nossas essências verdadeiras. Saímos fora da realidade. Viajamos por horizontes diferentes e distantes.

Algumas vezes poderá ser o amor que nos desperte tais sensações, e ao ouvirmos determinada música, e fechando os olhos, chegamos mesmo a sentir a presença amada a nosso lado. Ouvi-la juntos, será melhor ainda.
Sem dúvida é um mistério a ligação que conseguimos fazer entre pessoas amadas e músicas, locais e até mesmo objetos. Por exemplo, se tivemos algum momento bem vivido ao lado de alguém que amamos ouvindo determinada música, a cada vez que a ouvirmos, automaticamente nosso paraíso interior será
acionado. O mesmo poderá acontecer olhando o mar, ou um por do sol, e até mesmo uma forte chuva.
São lembranças que nos conduzem pelas estrelas, fazendo-nos desligar da realidade da vida, da tristeza de uma solidão, ou de maus momentos que eventualmente estivermos atravessando.
É quando sentimos que uma doce saudade pode nos ajudar e melhorar o astral, e assim, quando nos sentirmos angustiados, ao invés de nos entregar a maus pensamentos, a pensar em atitudes drásticas, devemos saber procurar nosso paraíso interior. Por pior que seja a situação que estivermos atravessando, poderemos encontrar uma espécie de lenitivo nessa busca, sempre procurando algo que nos faça como que "reviver" bons momentos já vividos.
E a música poderá ser um desses fatores. Todos nós tivemos alguma música que marcou um desses bons momentos.

Assim, quando tudo parecer escuro para nós, precisamos reaprender a ver um mundo cheio de luz, a ver que existe alegria, a reencontrar o sol em nossa vida, e assim, reencontrando a esperança na vida e no amor.

"A MUSICA DA VIDA
Marcial Salaverry

Músicas lindas,
trazem lembranças infindas...
Lenitivo para os que se amam,
que com elas se lembram
de momentos de felicidade...
Quando chega aquela doce saudade,
a música traz à lembrança
aquela doce esperança
de nosso amor revermos,
e novamente a felicidade obtermos...
Musica para amar,
musica para lembrar,
de um momento de amor
que à nossa vida deu muito calor..."
E com este poema,  desejo que todos encontrem seu Paraíso Interior, despertando a beleza de sua alma, e assim fazendo de cada dia, sempre UM LINDO DIA.

COM TOQUES SUAVES
Marcial Salavery

Se quiser o amor despertar,
com toques suaves é preciso tocar,
para aquecer o coração,
e acender a paixão...
Com esses toques suaves,
feitos com a ponta de dedos,
tirando todos os medos,
e acendendo os desejos,
seguidos por ardentes beijos...
Com toques suaves,
sente-se o amor reviver,
e o desejo renascer,
sentindo a pele arrepiar,
e o desejo aumentar
de continuar a amar.

Marcial Salaverry

26/11/2016

POR QUE CHORAMOS?



Se estamos acorrentados pelo amor, por que chorar?
Com uma leal e sincera amizade, certamente completamo-nos simplesmente, e poderemos curtir essa bela amizade...

Marcial Salaverry

VIVER UM AMOR




Para viver um amor como deve ser vivido, é preciso entender que viver com alegria de viver é o tema... não tema pensar assim, pois só uma triste mente acha que não adianta chorar por um amor que terminou só porque ele disse: Desnude-se, sem que se estivesse preparada para tanto...

Marcial Salaverry

UM ATO DE AMOR


Certamente o amor é ato, para ser um amor que vale a pena viver...
Resta saber se assim são os teus pensamentos, ou será apenas desejo de teu coração...

Marcial Salaverry

AMOR EXIGE SINCERA RECIPROCIDADE

AMOR EXIGE SINCERA RECIPROCIDADE
Marcial Salaverry

Amor é amor e ponto final...
para que não acabe mal,
e para que tenha felicidade,
exige sincera reciprocidade...
Mesmo que por algum motivo,
não se possa em plenitude retribuí-lo,
há que se respeitá-lo...
É um sentimento  muito nobre,
que deixa com o espírito pobre
quem não sabe vivê-lo,
quem não é capaz de senti-lo...
Por isso, deve ser respeitado,
pois nada é mais triste
do que ver um amor,
apenas por falta de calor,
morrer por incompreensão,
fazendo sofrer o coração,
porque não se soube entender,
ou ao menos perceber
o que tinha ao alcance das mãos...
Há que se entender que um amor,
rejeitado pela incompreensão,
mata o amor que se sente no coração...


Marcial Salaverry

COM AMIZADE

COM AMIZADE
Marcial Salaverry
 
Com
amizade,
e ternos
braços,
terás
eternos
abraços,
e total
felicidade... 
 

Marcial Salaverry

FENÔMENOS VIRTUAIS


FENÔMENOS VIRTUAIS
Marcial Salaverry
 
Embora possa ser coisa que irrita,
a virtualidade é coisa que possibilita
uma série de fenômenos virtuais,
qie tá podem ser geniais...
Unidos pela Internet,
caminhos podem se cruzar,
até que uma pane outlocal os venha separar...
Algo acontece, e caminhos podem se descruzar...
Caminhos que seguem paralelos,
até que não cheguem emails para le-los...
Se isso vier a acontecer,
pergunta-se o que se pode fazer,
quando se voltar a conversar,
porque a sós não se deseja caminhar,
e assim, sem rumo vagar...
Nesta linda estrada da vida,
uma alma solitária, perdida,
poderá encontrar seu rumo,
e poderá ter seu prumo...
Assim poderá o caminho seguir,
e se o amor surgir, será mais doce o porvir,
alegrando assim o coração,
dando uma gostosa emoção
se ao lado de alguém poder caminhar
nessa linda estrada convidando a amar...
Sempre se pode experimentar,
e assim a felicidade tentar encontrar...
Assim, se algo aconteceu,
e o rumo se perdeu,
vamos prosseguir caminhando,
e um dia, talvez, nos reencontrando...
 

Marcial Salaverry

É TÃO SUBLIME A SAUDADE DE UM AMOR

Será triste a saudade?
ou pode ser uma felicidade?
Uma saudade doida,
ou uma saudade doída?
Osculos e amplexos,
Marcial
                  
É TÃO SUBLIME A SAUDADE DE UM AMOR
Marcial Salaverry

Para entender porque é tão sublime a saudade de um amor, é preciso primeiro entender que a saudade tanto pode ser causada por uma tristeza, ou por uma alegria, o que pode parecer um absurdo, pois saudade sempre se associa à tristeza, mas tambem pode ser uma doce lembrança de algo bom que se viveu, e partir desse pensamento, certamente será "tão sublime a saudade de um amor..."

Normalmente sente-se saudade de alguém cuja presença nos faz falta, e não é apenas de pessoas que se sente saudade, pois muitos sofrem muito quando perdem um animal de estimação, ou mesmo um objeto que lhe traz lembranças caras, enfim, de algo ou alguém que nos propiciou momentos agradáveis, que podem ser gostosamente relembrados, ao invés de tristemente lamentados...

Recebi de uma pessoa muito querida,  uma mensagem que veio bem a propósito, vejam:
"Saudade é a feliz melancolia de uma ausência presente."
Vejam como ela aborda o tema "feliz melancolia". Parece-me claro que só se sente saudade de alguém que nos proporcionou alguma felicidade na vida, de alguém  em quem sempre pensamos com muito carinho, por ter feito parte de nossa vida, e que por ter cumprido sua missão, empreendeu a "última viagem", e nessas condições a saudade, se bem administrada, bem pensada, pode nos representar alegria, confirmando o pensamento acima.

Claro, se esse sentimento chamado saudade se aninha em nosso interior, é porque tivemos bons momentos ao lado de quem no-lo deixou.  Não iremos lamentar a ausência de quem nos tenha prejudicado ou causado tristeza, muito pelo contrário, já que parece haver  um tanto de masoquismo sentir falta de quem nos fez sofrer, e assim sendo, se sentimos saudade, é dos bons momentos vividos.  Das alegrias compartilhadas. Da felicidade vivida...

Assim sendo, podemos certamente transformar a saudade, de tristeza em doce lembrança, apenas lembrando de que, se tivemos momentos de alegria, de felicidade ao lado desse alguém, o que podemos fazer, quando começar a pintar aquela tristeza, aquela amargura de não termos mais a companhia querida, é simplesmente concentrar nosso pensamento, lembrando apenas e tão somente desses momentos felizes.  É tão gostoso relembrar alegrias.  Uma viagem.  Aquela segunda lua de mel, e a terceira e a quarta, até mesmo aquele tombo na frente do teleférico, e mais ainda, aquela noite em que houve tanto amor...

Enfim, são tantos os doces momentos a serem relembrados, que não cabe mesmo um sentimento de tristeza, e com certeza esse é um exercício mental que pode afastar a tristeza da saudade... Claro que não chega a ser uma alegria, uma felicidade, mas traz a "feliz melancolia da ausência presente".  Ausência presente, sim, a lembrança de bons momentos faz com que se chegue a "sentir" a presença do ausente. Chega-se a "sentir" o toque, o cheiro, a "ouvir" a voz...

Tudo é uma questão de exercício mental, e com toda a certeza, é muito melhor curtir a lembrança de momentos alegres, do que ficar lamentando a ausência de quem queríamos ter ao lado, mesmo porque é preciso pensar ainda que, seja lamentando a ausência, seja curtindo a lembrança de bons momentos, a vida vai continuar, o mundo vai continuar girando, o sol, a lua e as estrelas vão continuar a existir.  Então, por que não viver melhor?  Por que insistir nas lamentações? Com um sorriso nos lábios e aquelas lindas lembranças, e sempre com pensamentos positivos, tudo nos parecerá melhor, e será mais fácil suportar a ausência dessa pessoa querida.

Por exemplo, quando existe a necessidade de nos afastarmos da pessoa que amamos, ao invés de lamentar esse afastamento, e derramar lágrimas de tristeza, sugiro desviar o rumo dos pensamentos, lembrando-nos apenas dos momentos de amor vividos juntos.  Não parece bem melhor "puxar" a lembrança para esse lado?

Então crianças vamos sempre transformar a saudade, de uma tristeza, para uma feliz nostalgia, e podem ter certeza de que com essa mudança de linha de pensamento, a vida parecerá melhor.  Garanto, com a certeza de que é "tão subllime a saudade de um amor..."

Então,  continuando presente ainda que distante, desejo que todos, sempre possamos fazer de cada dia,  UM LINDO DIA.

25/11/2016

SÓ UMA TRISTE MENTE

SÓ UMA TRISTE MENTE
Marcial Salaverry

Se certa mente
não vê o amor certamente,
e o vive tristemente,
é por ser uma triste mente,
pois uma alegre mente,
certamente o vive alegremente...
É preciso ser uma decidida mente,
para vive-lo decididamente,
sentindo completamente,
deixando em felicidade completa a mente...
Algo escrito de mente,
e não por mente demente...
 

Marcial Salaverry

DESNUDE-SE

DESNUDE-SE
Marcial Salaverry


Desnude-se simplesmente...
Desnude-se totalmente,
e assim nos vestiremos de versos...


Marcial Salaverry

NÃO ADIANTA CHORAR


NÃO ADIANTA CHORAR
Marcial Salaverry

Não adianta chorar,
e tolamente se magoar,
por quem suas lágrimas não merece,
e maltrata seu sentimento...
Não faça de sua vida um lamento...
Sorria para a vida,
e ela será melhor vivida...
Algumas páginas devem ser viradas,

e da lembrança tiradas...
Guarda-se no coração,
apenas uma doce emoção...
Chora-se de alegria,
ao nascer um novo dia...
Mágoa, tristeza,
tiram da vida a beleza...
Quem lhe magoa, deve ser esquecido,
e de sua lembrança varrido...

AMOR COMO DEVE SER VIVIDO

AMOR COMO DEVE SER VIVIDO
Marcial Salaverry

Para o amor bem viver,
é preciso bem entender
que um amor deve ser vivido,
por ser um amor existido,
e deve se-lo com virtude,
por ser vivido em plenitude...
Assim, um lindo amor,
lindamente vivido com todo calor
de almas sinceramente apaixonadas...
Um amor assim, valeu a pena ter existido
pelo tempo em que for vivido,
deixando uma gostosa recordação
que eternamente aquecerá o coração...
Assim será um amor que certamente
será vivido e lembrado terna e eternamente...
 

Marcial Salaverry

VIVER COM ALEGRIA DE VIVER É O TEMA... NÃO TEMA

Vamos viver com alegria?
Façamos da vida uma festa,
jamais perdendo a alegria de viver...
Alegria que vem da alma, transbordando
na sinceridade de um sorriso...
Osculos e amplexos
Marcial

VIVER COM ALEGRIA DE VIVER É O TEMA...NÃO TEMA
Marcial Salaverry

O melhor presente que podemos dar para nossa alma, é sempre manter a alegria de viver, eis que com certeza este é um dos atributos para que se possa atingir a felicidade, e devemos saber mante-la, por pior que as coisas fiquem, pois em ocasiões de crise, seja econômica, sentimental ou de vergonha, se nos entregarmos ao desespero, tudo só tenderá a piorar. Mantendo-se uma certa dose de otimismo, de tranquilidade, e principalmente com alegria interior, as soluções serão mais fáceis de ser encontradas.
Meu grande amigo L’Inconnu brindou-me com uma pérola que se aplica bem ao tema, vejam só:
"Não importa se a estação do ano muda, se o século vira e se o milênio é outro, se problemas surgem, se a idade aumenta, conserve a vontade de viver; não se chega à parte alguma sem ela." Efetivamente, a vontade, a alegria de viver é algo que nunca poderemos perder. Nunca deveremos nos entregar ao desespero, ao desalento, achando que tudo está perdido, mesmo que esteja. Se não houver nenhuma possibilidade de se reverter uma situação, mantendo-se o sangue frio, a vontade de superação, encontraremos pelo menos uma maneira de diminuir o impacto do golpe.
Se o problema for financeiro, ou uma crise familiar, é impensável entregar-se os pontos. É necessário que se esgotem todos os recursos possíveis e imaginários. Alguma idéia acaba surgindo, algum jeito pode ser dado. Lógico que cada caso é um caso, e não podemos prever que tipo de soluções podem ser encontradas, mas estas só surgirão, se mantivermos as idéias em ordem e, pelo menos um pensamento positivo voltado para a solução do problema. É algo que sempre depende da ocasião, mas, uma coisa é certa, entregando-se ao desespero ou, como muita gente faz, à bebida "para esquecer" os problemas, é que as coisas se complicam, pois ao problema ainda insolúvel, ainda teremos que curtir uma bela ressaca... Aliás, bebida nunca foi solução para crise alguma, a não ser para os fabricantes...
Se o problema for de ordem sentimental então, é que nunca poderemos esquecer de nosso querido L’Inconnu, pois sem a vontade de viver não chegaremos a parte alguma, nem conseguiremos resolver nada, e assim, se "aquele certo alguém" que tanto queríamos a nosso lado não nos quer mais, e nos abandonou, trocando-nos por outro alguém, é porque o amor não era tão forte assim, então mais vale a pena esquecê-lo e partir para outro.
É complicado, porque você amava demais? E que adianta ficar chorando pelos cantos e esmurrando as paredes, ou pior, "encher o carão’ num boteco qualquer, para esquecer aquele alguém que não mais te quer. Além de não conseguir a reconquista, ainda vai ter que segurar uma ressaca complicada. Problema duplicado...
Ora, mantendo o espírito em alta, a alegria de viver, poderemos mostrar ao mundo que estamos vivos, e portanto em condições de encontrar outro alguém que nos complete e que possa nos trazer a felicidade, jamais esquecendo que é justamente nas ocasiões de crise, que poderemos justificar nossa presença no mundo. Sabendo superar as dificuldades, poderemos mostrar nosso real valor. Principalmente para nossa satisfação interior, nunca poderemos perder a alegria de viver.
Mesmo que não consigamos a solução para a crise e ela nos vença, pelo menos conseguimos manter nosso ânimo em pé, e fizemos tudo que era possível para tentar contornar a situação, e não entregamos os pontos logo no início, ou que seja no meio.
Se você perdeu seu amor, aquela pessoa de quem você tanto gosta não te quer mais, não perca seu ânimo, você está vivo ainda, e pode perfeitamente encontrar outro alguém que realmente lhe queira como companhia. Não se desespere, conserve sua vontade de viver, e vá em frente, porque atrás vem gente, e doida para passar por cima. E principalmente, não pode dar aquele gostinho de vitória àquela pessoa ingrata que te abandonou. Se ela te jogou ao chão, faça como uma linda música nos diz: "Levanta, sacode a poeira, e dá a volta por cima..."
Meus sinceros desejos de que todos tenhamos mais UM LINDO DIA, sempre com muita alegria de viver...
 

24/11/2016

COMPLETAMO-NOS, SIMPLESMENTE


COMPLETAMO-NOS, SIMPLESMENTE
Marcial Salaverry

Poetas, formatadores,
artistas, simplesmente...
Parece ser algo demente,
mas é uma questão de mente...
São artes interligadas...
Poesias escritas, são lidas.,
gravuras expostas são apreciadas...
de ambas a junção,
traz total satisfação,
ilustrando a mente,
e agradando ao visual...
Fica para alguns um dilema...
O que será mais belo,
o fundo, ou o poema?
Vamos a ambos apreciar...
A arte de quem esteve a poetar,
ornada pela arte
de quem esteve a formatar...
Vamos nos dar as mãos,
unindo corações,
fazendo algo que a todos agrada,
uma bela poesia,
lindamente formatada...


Marcial Salaverry

POR QUE CHORAR?

 
POR QUE CHORAR?
Marcial Salaverry
Decepções sofridas,
abrem feridas
que fazem chorar,
mas... por que chorar?
Chorar por que?
A vida é bela...
A natureza sempre florida,
passarinhos piando no jardim,
o sol brilha no horizonte,
a chuva cai lá fora,
a lua brilha no céu,
e as estrelas também...
Basta ter amor no coração,
e nessa situação,
pergunta-se: Chorar por que?
Se temos olhos para tudo ver,
mãos para tocar,
boca para falar,
e também para beijar...
Chorar por que?
A vida é alegria, felicidade...
Também alguma saudade,
mas tudo sem maldade,
e de boa qualidade...
Chorar por que?
É só saber viver...
Saber amar...
Saber gostar...
Saber querer...
Por que chorar?
Se decepções houve, apenas olvidar...
 

Marcial Salaverry

ACORRENTADOS PELO AMOR

 

 

ACORRENTADOS PELO AMOR
Marcial Salaverry
 
Por vezes, o amor parece acorrentar
os amantes que não conseguem se deixar,
ficando como que acorrentados,
com os corações paralizados,
envolvidos em total sedução...
Em clima de carinho e amor,
sentindo a força do calor
de tanta paixão,
cedem à  irresistível atração,
unidos nesta doce emoção,
sentem bater forte o coração...
Entre correntes de amor,
ficam presos em seus elos, seja como for,
atendo-se entre os laços de quentes braços,
e dessa maneira, entre gostosos abraços,
ficam presos em tais laços,
e apaixonados ficam nesses entrelaços,
presos pelas pernas, pelos braços...
Entre os elos da corrente, ficam entrelaçados,
e para sempre assim,  laçados,
nesses entrelaces apaixonados...
 

Marcial Salaverry 

UMA LEAL E SINCERA AMIZADE

Como hoje, dia 24/11 é um dos 365 dias do ano, concomitantemente,
é o Dia do Amigo...
Vamos comemorá-lo, pois uma leal e sincera amizade não pode
ter um dia prédeterminado para existir, e ser comemorada...

Que tal começar o dia com um poeminha dedicado à Amizade?
Para variar... quero dedicar a todas as minhas crianças este poeminha,
esperando que todos tenhamos UM LINDO DIA...
Mas... hoje não é o Dia do Amigo? Quem falou?
Todos os dias são dias para se comemorar uma leal e sincera amizade...
Ósculos e amplexos,
Marcial

UMA LEAL E SINCERA AMIZADE
Marcial Salaverry

Para viver uma leal e sincera amizade,
a distancia não impede a felicidade...
Se o destino traçou caminhos diferentes,
sempre existirá uma forte união,
dando mais vida ao coração...
Na verdade, não há marca de felicidade
mais significativa que uma amizade...
Uma sincera amizade nunca morre,
e dela a alma sempre se socorre...
Certamente, havendo sinceridade,
sempre haverá felicidade nessa amizade...
Amigos sempre amigos serão,
querendo sentir sempre a emoção
dessa amizade para sempre viver,
pois é esse, da alma, o querer...
Conservar pela eternidade
o calor de uma sincera amizade,
é o que para a vida traz felicidade...
Sempre continuando nesse embalo amigo,
sendo amigos para sempre,
que é o melhor que pode haver...
Para a amizade compartilhar,
o melhor é viver e deixar viver,
e assim, amizade jamais vai terminar...

Marcial Salaverry

Aliás, outro dia falaram comigo que seria necessário, comemorar o Dia do Amigo...
Mas, para saber quando será esse dia, e o que se poderia comemorar, prefiro entender que todo e qualquer dia poderá ser
especialmente dedicado à amizade, pois com certeza amigo não tem dia, amigo só tem amizade, e sendo sincera e reciproca,
certamente será uma ligação de verdade, algo que certamente nos une todos os dias...
Com os amigos existe carinho, existe confiança, existe amor, existe respeito, e tudo de bom...
Com certeza, um leal e sincero amigo não nos deixa sozinho, eis que amizade é aquele sentimento que sempre tem valor, e
pode-se considerar feliz aquele que tem um certo alguém em quem pode confiar, que sabe escutar quando suas mágoas desabafar,
quando seus sonhos contar...
Certamente um amigo vamos procurar, e lògicamente ao Amigão agradecer, se essa sorte merecer, eis que uma bela e sólida Amizade,
é algo que representa felicidade...

"Ter uma sincera amizade,
isso é felicidade...
Eu tenho você...
Você me tem...
Abracemo-nos, pois,
E o resto fica pra depois...
Marcial Salaverry"
E com o carinho de uma leal e sincera amizade, espero que todos possamos fazer de cada dia, sempre UM LINDO DIA...

23/11/2016

TRECHO DO LIVRO UM BRASILEIRO NA ÁFRICA
Marcial Salaverry

"Certa vez, quando Alexander foi fazer uma de suas incursões para colher abacaxis para nossa refeição, ouvi um grande alarido na mata.  Percebi que ele estava sendo perseguido por alguns macacos.  Rapidamente entrei no jipe, fechei bem as janelas, abrindo rapidamente a porta para que ele pudesse entrar, e aí então, fomos literalmente cercados por um grande bando de macacos brincalhões que queriam, por força, entrar no jipe, batendo nas portas e janelas, saltando sobre o para brisas.  Para assustá-los, liguei os limpadores.  Fizeram a maior farra com aquela coisinha se mexendo na sua frente, terminando por arrancá-los.  Devagarinho, conseguimos ir abrindo caminho entre os divertidos bichinhos, até que conseguimos seguir viagem. Ainda fomos seguidos por um bom tempo pelo bando."

Realmente, agora, com as lembranças, é que vejo como foi aventurosa e válida essa estada no Congo.
Ainda tenho muito mais coisas para contar...
Ósculos e amplexos,
Marcial

ABRAZAME CON AMOR

ABRAZAME CON AMOR
Marcial Salaverry

Si no puedes verme,
abrazame con la imaginación...
Abrazame asi,
y me sentirás cerca de tu corazón...
Puedes solamente abrazarme,
no necesita nada hablar,
pués vives en mi corazon.....
Abrazame con la imaginacion,
es posible hacerlo,
cuando se ama de verdad,
y se desea vivir el amor con felicidad...
 
Marcial Salaverry
Inspirado en la musica Abrazame Asi...

 

ASSIM COM UM DOCE OLHAR


ASSIM COM UM DOCE OLHAR
Marcial Salaverry

No desejo de amar,
com um doce olhar,
tudo diz, tudo afirma,
e certamente a alma confirma...
A verdade no olhar expresso,
deixa marcas, como algo impresso
na alma, no pensamento,
sem deixar sofrimento...
No coração penetra como verdade,
sente-se o olhar de felicidade...
Olhar, simplesmente para seu amor,
com o olhar pleno de calor...
Olhar simplesmente, e o amor transmitindo...
De olhos abertos, tudo permitindo...
De olhos fechados, o prazer sentindo...


Marcial Salaverry

EXISTEM AMORES POLEMICOS


Amores "intergeracionais" sempre criarão uma certa polemica,
sobre as verdadeiras razões de terem surgido...
O principal, é que haja um amor sincero e reciproco...
Osculos e amplexos,
Marcial

EXISTEM AMORES POLÊMICOS
Marcial Salaverry

Uma verdade inegável, e que não custa lembrar e relembrar, é a afirmação que afirma uma grande verdade, ou seja, sempre serão polemicos e problemáticos os relacionamentos entre pessoas de gerações diferentes, pelo natural choque que causa, pois aos olhos das demais criaturas, sempre haverá  a tradicional barreira de idades, algo que sempre causará algum choque, sendo assim considerado fora dos parâmetros normais, contudo apesar do que  já se falou sobre romances entre pessoas de gerações diferentes, que para alguns, sempre será um absurdo, para outros, pode ser considerado como coisa normal, tudo depende do enfoque que se der ao caso.

O interessante no caso, é que no consenso geral chega a ser encarado com uma certa normalidade o fato de um homem maduro namorar uma garota muito mais jovem, enquanto que o outro lado da moeda, ou seja, o romance entre uma mulher madura e um rapaz mais jovem, já é visto quase como um absurdo.  Por que essa diferença de julgamento?  Por preconceito? Quando na verdade, a mulher madura tem mais facilidade para viver um amor intenso do que um homem maduro, até mesmo por questões biológicas. E pode se notar que atualmente as mulheres resolveram sair da redoma, e vão em busca de sua vida, de seus desejos, e se não encontram satisfação entre os homens de sua faixa etária (que estão procurando as jovens), tambem vão em busca de jovens, algo lógico e normal.

Penso que tudo deve ser visto da mesma maneira, devendo ser encarado de uma maneira global, ou seja, falemos de “romance entre pessoas de gerações diferentes”, sem identificação de sexos, e assim, ao surgir uma atração “intergeracional”, deve-se ter presente uma coisa muito séria, qual seja, o preconceito da Sociedade, que sempre criará obstáculos.  Esse fator vai exigir  dos parceiros muito equilíbrio, e principalmente, ambos tem que estar bem seguros de seus sentimentos, pois os comentários maldosos sempre irão surgir.  Isso sem falar na reação dos familiares,  se a parte madura tiver filhos, que dificilmente aceitam ver seu pai ou sua mãe envolvido com alguém de sua idade, ou até mais jovem.

Além dos problemas causados por esse preconceito, há que se analisar ainda as diferenças físicas.  Senão vejamos, é lógico que a parte madura não poderá ter o mesmo “pique” que o parceiro (a), que deverá ter muita compreensão para tal detalhe, aceitando as limitações que a idade sempre impõe.  Muitas vezes o romantismo que envolve tal situação, faz com que se feche os olhos para tais diferenças que, mais cedo ou mais tarde, podem se manifestar, ou não, dependendo da força do amor que entre eles existir.

Pergunta-se então o que pode unir casais assim heterogêneos, algo que realmente é fácil de se responder, eis que o que acontece é uma busca recíproca.  Existem jovens que, por diversos motivos, preferem a companhia e a parceria com pessoas mais maduras, buscando absorver a experiência de vida, os conhecimentos que as pessoas de mais idade  lhes podem proporcionar.  É muito válida essa busca, e serve como um enriquecimento enorme para esses jovens, desde que saibam viver esse amor, o que deve deve haver é uma sinceridade total.

Por outro lado, é a famosa “busca da juventude perdida”.  Pessoas de mais idade, mas ainda com muita vitalidade, se recusam a admitir serem “velhos”.  Procuram, então, na parceria com jovens, dar um novo sentido a suas vidas.  É então uma troca de “favores”. Um lado dá a vivência, a experiência, e o outro, a vitalidade, a energia da juventude, e isso feito com equilíbrio e sinceridade, é muito válido, e sobretudo, importante para ambos os lados...

Apenas desejo ressaltar a necessidade de muito equilíbrio de ambas as partes, pois o lado mais “experiente” (fica chato falar velho), vai ver que suas limitações físicas vão rapidamente aumentando, ao passo que o outro lado vai chegando ao seu apogeu.  E é aí que mora o perigo dessas uniões heterogêneas etariamente falando.

Contudo, o argumento principal, e muito válido por sinal, que já ouvi de casais nessas condições, é que eles podem passar por cima dos preconceitos por se amarem.  Quanto a preocupações com o futuro, existe um ponto que tem de ser levado em conta: o importante é viver o presente, e aproveitar o que de bom pudermos viver agora, e realmente é irrefutável esse argumento.  Realmente, se podemos ser felizes hoje, sejamos.  Se outros criticam, o problema é de quem critica, uma vez que todos temos nosso "direito de ir e vir", e de agirmos conforme manda nosso livre arbítrio.

Definitivamente, se duas pessoas se amam e se querem, não pode existir preconceitos, sejam etários, raciais, e até sexuais que possam separá-los, pois para que uma união seja gostosa e feliz, independendo de diferenças de idade, cor, sexo ou religião, o importante é que exista uma grande dose de AMOR, RESPEITO E CARINHO, que são realmente os pontos fundamentais para qualquer tipo de relacionamento...

Quanto à durabilidade dessa união, falar-se o que? Que dure enquanto durar, que seja eterno enquanto é terno, como todas as uniões aliás.  Não existe prazo de validade que garanta o tempo que vai durar uma união entre duas pessoas.  Mas enquanto durar, que com sinceridade seja vivida, seja em que circunstâncias for.  O amor sempre deve ser vivido.

O perigo apenas existe, quando o que se quer é uma "quebra de rotina", ou seja, quando um relacionamento está meio desgastado pelo tempo, ir procurar "novidades" fora, ao invés de procurar, através de diálogo, um entendimento com a parceria de sempre. Muitas vezes o amor se esconde no meio das cinzas do fogo inicial, e é preciso "desenterrá-lo", para que não se perca o fio da história já vivida.

Com essas idéias na cachola, vamos procurar fazer de cada dia, sempre UM LINDO DIA.

22/11/2016

UMA LINDA AFINIDADE

A afinidade simplesmente nasce na alma,
não se explica, simplesmente, sente-se...

UMA LINDA AFINIDADE
Marcial Salaverry

Afinidade, é aquele algo a mais,
mais do que simples amizade,
mais até do que amor...
Aliás, é a afinidade que vai
determinar a durabilidade do amor...
Através da magia da afinidade,
sentimos a total felicidade,
satisfazendo essa necessidade
de uma cálida comunicação,
sempre aquecendo o coração.
Sente-se a afinidade,
quando sentimos facilidade
em manter comunicação,
com amigos de coração...

Marcial Salaverry

DOIDIM PRA MODI SI CASÁ

 
DOIDIM PRA MODI SI CASÁ
Marcial Salaverry

Aravejasó, cê tá doidim pra modi si casá,
ieu tô pensandu cocê si ajeitá...
Tô nas lonjura,
mai sempri querendu
pertindocê ficá,
fazendo aquelas bobagi,
aquelas gostosa bestera,
cocê percisa conhecê...
Dondi cotô, fico só
bulindo c'as ideia,
falando sem querê falá...
doidim pra ti fazê si paxoná,
casidiqui paxão é um trem bão,
é trem feito pruamô vivê...
Tô aqui doidim prá ti bejá,
c'as mão prá ti carinhá...
Si achegui pra mi conhecê,
i trais teu chêro na bagagem...
Tenhchêro de mato,
daqueli mato donde
nói vai podê munto si amá...
Socê quisé pó chamá ieu,
socê pensa qui num vô,
ieu vô sim, ara si vô...
Dijeitomanera, queru perdêocê...
Só queru vivê maiocê pra toda vida...


Marcial Salaverry